Seta Balao

COTE AQUI SEU SEGURO AUTO RAPIDINHO!

Qual é a marca do seu carro?

Aposte na compra de um carro usado em bom estado!

2017 ainda está começando! Nada como assumir uma atitude positiva e trocar de carro no início do ano!

Para isso é preciso pesquisa para conhecer o que há de novo e conveniente para você, além de uma boa dose de decisão. Dá um pouco de trabalho, é preciso bater perna, olhar os fóruns na internet, visitar as concessionárias ou garagens de confiança, até encontrar o carro mais interessante e no valor que você pode pagar.

Há muitos carros usados legais, que oferecem exatamente o que um 0 km tem para oferecer, por um preço bem menor. É possível sim aliar economia à qualidade. Você pode oferecer o seu carro atual na troca e financiar a diferença. É claro que vai pagar um pouco de juros, porque taxa zero somente existe para carros zero. Mas é possível encontrar um financiamento camarada, principalmente se você for funcionário público ou aposentado, com acesso ao empréstimo consignado.

Se estiver dentro do seu orçamento, a melhor opção é o seminovo, principalmente porque muitos ainda estão na garantia. É preciso comparar, até mesmo pesquisar fora de sua cidade de domicílio, porque os preços variam muito, dependendo da região.

Uma boa pesquisa para referência na compra de um carro seminovo ou usado é a que foi feita pela DPaschoal, que é uma conceituada e tradicional rede de serviços para automóveis, há muitos anos operando no Brasil. A pesquisa indicou boas opções para compra de seminovos ou usados.

Boas opções para compra de usados

Os critérios para a indicação de carros com mais chances de não decepcionarem seus donos levaram em conta a relação custo benefício e menor frequência de manutenção em relação ao tempo de uso. Uma boa dica para saber o quanto um veículo tem uma boa relação custo-benefício é o fato de ele ser utilizado por locadoras de veículos, que precisam de carros robustos com poucas despesas de manutenção.

1. Fiat Palio

Fiat Palio

Um fator importante na preferência por esse carro é o preço das peças e a acessibilidade dos serviços. Há décadas no mercado brasileiro, já sofreu várias adaptações, sendo hoje um carro bastante adaptado às condições de estrada do país e ao clima. A montadora dá um bom suporte para as redes de concessionárias.

2. Toyota Corolla

Toyota Corolla

É um carro robusto, com manutenção simples, além de ser completo. Raramente quebra e a manutenção é de baixo custo.

3. Fiat Strada

Fiat Strada

É um carro de fácil manutenção, bastante adaptado às estradas brasileiras e ao clima.

4. Ford Ka

Ford Ka

Com manutenção simples e preço das peças acessível. O valor da aquisição é baixo e raramente quebra.

5. Honda Fit

Honda Fit

Atraí pela durabilidade, raramente precisa de reparos. O custo de manutenção é baixo. Em comparação com os concorrentes da mesma categoria a sua mecânica é mais simples. 

6. Honda Civic

Honda Civic

Um carro com muita durabilidade, raramente quebra. Seu custo de manutenção é baixo e a mecânica é simples, dentro de sua categoria.

7. Volkswagen Gol

Volkswagen Gol

Carro com manutenção fácil em virtude da alta disponibilidade de informações e o baixo custo das peças. Já está há muito tempo no mercado, adaptado às condições brasileiras de estrada e clima. O custo de aquisição também é baixo.

8. Renault Sandero

Renault Sandero

É um carro com manutenção fácil, as peças têm um custo baixo e são fáceis de encontrar. A ocorrência de quebras é baixa.

9. Chevrolet Celta

Chevrolet Celta

Carro com baixo custo nas peças, manutenção simples, altamente adaptado para as condições brasileiras, em termos de clima e de estradas. A montadora disponibiliza muita informação e a aquisição é de baixo custo.

10. Fiat Uno

Fiat Uno

Carro com preço acessível, tanto de peças quanto de serviços. A manutenção é simples, há muitas informações disponíveis por parte da montadora para a rede independente. Seu custo de aquisição é baixo. Por estar há muitas décadas no mercado brasileiro, já passou por muitas reformulações e foi adaptado para as condições das estradas brasileiras e o clima do país.

11. Renault Logan Authentique 1.0 2014

Renault Logan Authentique 1.0 2014

A versão básica do Renault Logan 2014 é muito mais barata do que uma versão 2016 ou 2017 e ainda nem tem aparência de um carro usado. É equipado com ar-condicionado e desembaçador do vidro traseiro, no mínimo. Tem bom custo de manutenção.

12. Volkswagen High Up 2014

Volkswagen High Up 2014

O Up ainda é aquele carro econômico, minimalista e bom quando o assunto é segurança. A posição de dirigir é ótima, o motor e o câmbio são afinados e a suspensão permite que se rode à vontade. A versão mais econômica é o High Up, com rodas de liga leve, direção hidráulica e ar-condicionado. Algumas unidades são equipadas com multimídia e GPS. 

13. Chevrolet Onix LT 1.0

Chevrolet Onix LT 1.0

Esse foi o carro mais vendido no Brasil em 2015 e por vários motivos. O desenho agrada, seu acabamento é de qualidade, tem trio elétrico, comando de abertura de porta-malas na chave, ar-condicionado e direção hidráulica. O preço está na faixa dos populares sem esses aperfeiçoamentos. Os modelos 2014 ainda são perfeitos e muito mais baratos.

Dicas de cuidados para comprar um usado

  1. Preço – é importante pesquisar antes, para saber o valor correto do carro que se está procurando. A tabela FIPE serve de referência para a pesquisa. É normal que o carro esteja até 5% mais caro do que a tabela e é motivo para desconfiar. 
  1. Lugar – Faça visitas para conhecer o carro de dia. Vá acompanhado e escolha um lugar público movimentado, quando o carro não estiver em uma agência. É preciso ficar atento para o risco de assaltos.
  1. Garantia – comprando em uma agência você tem três meses de garantia, de acordo com o Código de Defesa do Consumidor. Comprando de particular você não tem a garantia da lei. 
  1. Pagamento à vista – é conveniente pagar à vista porque a taxa de juros está muito alta e para carro usado não há os subsídios de taxa zero existentes para carros 0 km.
  1. Carro sujo pode encobrir falhas – Se o carro estiver muito sujo, podem estar encobertas falhas da pintura e riscos. É melhor pagar uma lavagem se quiser o carro e ele estiver muito sujo. É um investimento.
  1. Leve ao mecânico – Se você não entende bem de mecânica, não hesite em procurar o seu mecânico. Ruídos, entupimentos, vazamentos, precisam ser identificados antes que se tornem problemas graves.
  1. Pneu novo – Se o carro é usado, o pneu deve estar gasto de acordo com a quilometragem. Um jogo de pneus deve durar de 40 a 50 mil km. Se o carro tiver 30 mil e os pneus forem novos é possível que a quilometragem seja fraudada.
  1. Pedais gastos – os pedais do carro devem estar combinando com a quilometragem. Se estiverem tão gastos que a borracha está lisa e gasta, o carro não pode ter somente 40 mil ou 30 mil km.
  1. Equipamentos de fábrica – o ar-condicionado, direção hidráulica, travas elétricas e bancos de couro devem ser originais de fábrica. Itens colocados fora da fábrica não são garantidos.
  1. Desgaste pelo uso das mãos – volante e câmbio se desgastam com suor e sol ao longo do tempo. Esse é um desgaste que mostra a idade do carro.

Leia mais artigos sobre:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *