Seta Balao

COTE AQUI SEU SEGURO AUTO RAPIDINHO!

Qual é a marca do seu carro?

Conselhos infalíveis para pagar menos em um carro adaptado

Muita gente não sabe, mas portadores de deficiência têm direito de comprar carros com isenção de diversos impostos, ficando o valor final até 30% mais barato em comparação com um carro comum. Veja então conselhos infalíveis para pagar menos em um carro adaptado.

Para poder usufruir desse benefício é preciso ser portador de deficiência completa ou parcial, sendo ela física, visual, mental severa ou profunda, portadores da doença de Parkinson e autistas. Se o condutor for impossibilitado de dirigir por conta da deficiência, o benefício permanece desde que se estenda para o responsável pela pessoa.

O carro também deve seguir algumas especificações, como ser fabricado no Brasil ou nos países do Mercosul, e ter um valor máximo determinado pelo governo.

Para conseguir esse benefício devem-se seguir algumas regras simples.

Dicas para pagar menos em um carro adaptado

1 – Tenha o laudo médico

A primeira coisa para pagar menos em um carro adaptado é ter um laudo médico comprovando a deficiência, pois é a partir dele que será possível tirar a habilitação.

2 – Lembre-se de ter cuidados na hora de tirar a habilitação

Quem irá tirar a habilitação é preciso informar isso ao DETRAN e quem já possui a carteira e deseja fazer a mudança para a habilitação que conste a informação de deficiente também deverá se dirigir ao mesmo lugar.

Será preciso apresentar o laudo médico e realizar exame clínico em uma clínica credenciada com dois médicos diferentes.  Após isso é preciso realizar o exame prático em um carro adaptado, de acordo com a deficiência no DETRAN, e ser aprovado para se conseguir esse documento.

3 – Consiga a isenção de impostos

Para solicitar a isenção de impostos e pagar menos em um carro adaptado é preciso ir em órgãos responsáveis, mediante a apresentação de documentos pessoais. Conheça os impostos:

IOF (Imposto Sobre Operações Financeiras): esse está isento para operações financeiras de compra de veículos nacionais de até 127 HP de potência bruta para deficientes físicos.

IPI (Imposto Sobre Produtos Industrializados): para solicitar a isenção de IPI é preciso ir até a Receita Federal com todos os documentos e um formulário preenchido.

ICMS (Imposto Sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços): ele é concedido pela Secretaria da Fazenda de cada estado e para obtê-lo, além dos documentos pessoais, é necessário um documento da concessionária informando o veículo que será adquirido.

4 – Livre-se do IPVA

Outro benefício para pagar menos em um carro adaptado é a isenção do IPVA (Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores), e para consegui-lo deve-se levar todos os documentos pessoais, do veículo e nota fiscal de compra a Receita Federal e à Secretaria da Fazenda. Dessa forma também é possível conseguir a isenção do rodízio obrigatório que ocorre em algumas cidades.

Com essas dicas você consegue pagar menos em um carro adaptado. Fique de olho em seus direitos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *