Documentação do carro atrasada me impede de receber indenização do seguro auto?

Você também está em dúvida? Vamos explicar neste texto se você consegue receber a indenização do seguro auto, caso tenha documentação do carro atrasada.

Se por algum motivo, você ficou com a documentação atrasada do seu veículo e está com dúvida sobre a indenização do seguro auto, caso precise. A resposta é que sim, mas é preciso se atentar com alguns pontos que falaremos neste artigo.

Atualmente, no Brasil, temos uma frota de mais de 60 milhões de carros registrados, de acordo com dados da Secretaria Nacional de Trânsito do Ministério da Infraestrutura. Muitos carros, não é mesmo? Para se ter uma ideia, em São Paulo, local onde está concentrado o maior número de carros,  em 2022, houve um salto de cinco vezes mais de inadimplentes do IPVA por conta do aumento do imposto.

O seguroauto.org deseja que você adquira o melhor seguro para o seu carro. Veja como!

Sem o pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), não é possível fazer o licenciamento do veículo e, como consequência, o condutor pode ficar com a documentação do carro atrasada. Ambas as taxas são cobradas uma vez por ano e os valores variam segundo as regras de cada estado – o IPVA, geralmente, é uma porcentagem do valor do automóvel.

Caso este seja o seu cenário, você só precisa ficar atento porque algumas seguradoras acabam descontando do valor da indenização a quantia referente aos impostos atrasados. Dependendo da indenização, você poderá ficar sem o dinheiro para arrumar o carro, por exemplo.

Por isso, é importante, se possível, manter todas as taxas da documentação do veículo pagas para evitar problemas no futuro. Além disso, com problemas no documento, você poderá ser multado e ter um prejuízo ainda maior.

Documentação do carro atrasada me impede de receber indenização do seguro auto?
Imagem: Getty Images

Conheça algumas situações em que a seguradora pode não pagar a indenização

Como citamos acima, ter a documentação do carro atrasada pode gerar algumas burocracias quando precisamos receber uma indenização do seguro auto. Por este motivo, vamos listar as situações em que você não conseguirá receber o dinheiro da seguradora.

1 – Problemas com os dados do segurado

Mesmo que não seja de propósito, caso tenha alguma divergência nos dados do perfil do motorista como, por exemplo, uma idade errada, poderá ter a negativa da seguradora para o pagamento da indenização.

Então, para evitar este problema, verifique as informações antes de enviar à empresa.

2 – Dirigir embriagado

Além de ser proibido dirigir embriagado, de acordo com a lei de trânsito, se você sofrer um acidente ou até mesmo bater em outro carro, poderá não ter a indenização para fazer o pagamento do estrago.

3 – Deixar pessoas que não tem habilitação dirigir

Outra situação, que também é ilegal e que não garante o pagamento de indenização do seguro auto, é emprestar o seu veículo para uma pessoa que não possui a CNH (carteira de habilitação). E a negativa do pagamento está seguindo uma lei, então, não adiantará fazer reclamações legais da empresa.

Aproveitando, é importante você sempre manter a CNH atualizada. Por isso, fique de olho no vencimento e evite o recolhimento do carro, por exemplo. É isso mesmo! Se você for parado em uma blitz policial, poderá ter o veículo levado para o pátio e ainda terá que pagar várias taxas para pegar o carro de volta.

4 – Atraso na parcela 

Esta opção é uma pouco mais óbvia, não é mesmo? Se você tiver qualquer pendência de pagamento com o seguro auto, não conseguirá solicitar a indenização em caso de sinistro.

O atraso nas mensalidades gera a suspensão de todos os serviços disponíveis na apólice do seu seguro.

Por isso, fique atento no vencimento das parcelas para não ter nenhuma surpresa na hora que precisar acionar o seguro.

5 – Sinistro em carro de parentes  

Se você bater no carro de alguém da sua família como, por exemplo, irmão ou esposa, a seguradora não é obrigada a pagar a indenização para realizar o conserto no veículo.

Simule o preço do seu seguro auto em nosso formulário.

Isso acontece porque estas pessoas não são consideradas terceiras.

6 – Infringir a regra da velocidade 

Assim como dirigir embriagado, se for comprovado que o condutor estava dirigindo acima da velocidade permitida da via no momento da colisão, por exemplo, a seguradora pode não querer arcar com o prejuízo, realizando o pagamento da indenização prevista no contrato mesmo que seja paga a franquia para ter o atendimento.

Todo motorista deve dirigir na velocidade, de acordo com cada via. Por isso, dirija sempre atento às placas que trazem este tipo de informação para que você ande segundo as regras estabelecidas pelas autoridades de trânsito. 

Avalie nosso post

Artigos relacionados

sensor de temperatura carro

Saiba tudo sobre Sensor de Temperatura do Carro

Data: 20/02/24

Tempo estimado de leitura:

2 min
Categoria: Manutenção Carro Leia agora
o que é abalroamento

Descubra o que é abalroamento!

Data: 15/02/24

Tempo estimado de leitura:

2 min
Categoria: Manutenção Carro Leia agora
quantos pontos perde a cnh

Descubra com quantos pontos perde a CNH

Data: 07/02/24

Tempo estimado de leitura:

3 min
Categoria: Dicas de Direção Leia agora

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *