Seta Balao

COTE AQUI SEU SEGURO AUTO RAPIDINHO!

Qual é a marca do seu carro?

O que é o estipulante do seguro?

Os termos utilizados no ramo dos seguros sempre acabam promovendo dúvidas sobre seus significados. Um bom exemplo é o termo ‘estipulante do seguro’, tema do nosso artigo de hoje. Acompanhe e entenda melhor o assunto.

De fato, o ramo dos seguros é repleto de nomenclaturas e termos que soam estranhos e causam dúvidas. Qualquer pessoa que acaba de iniciar na área dos seguros sempre encontrará dificuldade em entender as palavras usadas no meio.

São muitas palavras pouco usuais e termos que parecem complicados, mas, depois de explicados se tornam bem simples. Assim como o termo que vamos falar a respeito nesse artigo, o estipulante do seguro. Quer saber o que significa e como funciona? Então, acompanhe.

O que é o estipulante do seguro?

O que significa estipulante do seguro?

O estipulante do seguro é um alguém, responsável por contratar uma cobertura de seguros para um grupo de pessoas. Ele pode ser tanto pessoa física como jurídica, e deverá intermediar a contratação do seguro para esse grupo diretamente com a seguradora.

Ao realizar tal contratação, o estipulante do seguro se torna automaticamente responsável por responder pelos os integrantes do grupo junto a empresa de seguro. Normalmente os estipulantes são as empresas corretoras de seguro.

Funciona da seguinte maneira, um grupo de pessoas deseja contratar um seguro, eles procuram então, alguém que cuide de toda a documentação e tramitação dessa contratação, essa pessoa será o estipulante do seguro.

O estipulante realiza a negociação e cuida da contratação, encaminha os resultados aos clientes que desejam contar com a cobertura em questão. Estes por sua vez, assinam a apólice de seguro, quando estão de acordo, e pagam o valor do prémio, que é o custo de contratação do serviço. Se tornando assim segurados.

A partir deste momento, o cliente passa a ser segurado pela empresa, e o estipulante do seguro será o responsável por resolver todas as questões deste contrato junto a seguradora.

Regulamentação do estipulante do seguro

A SUSEP – Superintendência de Seguros Privados, órgão responsável por regulamentar o ramo de seguros no Brasil, define através da resolução nº 107, de 2004 as regras para a estipulação de seguro. Entre todas as determinações encontradas nesta resolução, as que mais se destacam são:

  1. Os exportadores e os importadores são obrigados a receber da empresa de seguro todas as cláusulas e condições do seguro contratado, principalmente as que promovem orientação sobre os sinistros;
  2. Os segurados precisam apresentar um documento que declare expressamente que estes não possuem nenhuma apólice de seguros vigente em outra empresa, igual ao seguro que está sendo contratado pelo estipulante;
  3. Os estipulantes são proibidos de cobrar dos segurados qualquer valor referente ao seguro contratado, além dos apresentados pela seguradora.

Além dessas definições, fica especificado que o estipulante do seguro mesmo este sendo de natureza coletiva, deverá tratar da contratação das apólices individualmente, sempre preservando as obrigações e direitos entre o segurado e a seguradora.

Resumindo, o estipulante do seguro é o responsável por cuidar de toda a negociação da contratação da apólice de seguros e responder pelo segurado junto a seguradora. Se, mesmo depois de acompanhar este artigo você ainda tiver dúvidas, procure um corretor confiável e peça maiores esclarecimentos.

Leia mais artigos sobre:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *