Seta Balao

Cote o preço do seu Seguro Auto

Qual é a marca do seu carro?

Golpes mais comuns na venda de carros usados e como se proteger

Uma das maiores preocupações ao vender ou comprar um carro é o medo de acabar caindo em algum tipo de golpe. Conheça agora alguns dos golpes mais comuns na venda de carros usados e saiba como se prevenir.

Golpes aplicados na hora de comprar ou vender um carro usado se aproveitam da ingenuidade e empolgação dos compradores. A alegria de ter encontrado um “negócio imperdível” logo dá lugar ao desespero de se ver vítima de golpistas.

As estratégias estão cada vez mais sofisticadas que acabam enganando qualquer um. Como prevenir e evitar cair em uma armação dessas?

Golpes mais comuns na venda de carros usados e como se proteger
Imagem: Getty Images

Conheça os golpes mais comuns na venda de carros usados

Uma das maiores defesas que um comprador pode ter é conhecer as estratégias do golpista. Infelizmente, isso não resolve tudo, já que novas estratégias são postas em prática todos os dias, mas pode te ajudar a escapar de muitas artimanhas.

Conheça agora os golpes mais aplicados e saiba como agir para evitar ser vítima de algum deles.

1.   Carro fantasma

O golpe: Um anúncio, veiculado nos meios de comunicação (facebook, plataformas de compra e venda como o Mercado Livre, OLX, entre outras), oferece uma venda com o preço abaixo do mercado e condições atrativas – como parcelas a perder de vista, entrada e juros baixo ou até mesmo inexistente.

Ao iniciar o contato, o comprador é informado que o carro está em uma região do país diferente da de onde o comprador está, mas que pode ser entregue, após a compra, sem custos adicionais.

Fotos e vídeos do automóvel são enviados, e algumas vezes o golpista até mesmo convida o comprador a fazer uma visita para conhecer o carro.

Com o interesse do comprador bem cultivado, o falso vendedor começa a informar que surgiu outra pessoa interessada no automóvel, e se o primeiro comprador não quiser perder a oportunidade, deve fazer um depósito para garantir a venda.

Assim que o dinheiro é enviado, o golpista apaga o anúncio, bloqueia o comprador de todas as formas de contato e desaparece com o dinheiro.

2.   Consórcio com contemplação garantida

O golpe: Pode acontecer por meio de anúncios ou pessoalmente.A pessoa interessada na compra recebe a proposta de ingressar em um consórcio que já foi contemplado. A proposta é que o cliente pague uma taxa ao proprietário original do consórcio ou a alguém indicado por ele.

Para dar mais credibilidade, o golpista pode até mesmo apresentar documentos que comprovem que o sorteio aconteceu e que o automóvel está em vias de ser liberado.

É pedido então, que o comprador pague uma taxa, e assim que o valor é transferido, o vendedor desaparece, deixando o comprador sem dinheiro e sem carro.

3.   Venda em consignação

O golpe: Esse tipo de artimanha costuma ser empregado por algumas lojas de carro que não se importam em aplicar golpes. Geralmente acontece da seguinte forma:

Um vendedor da loja entra em contato com a pessoa que está interessada em vender o seu carro. A proposta é deixar o carro, de forma consignada, na loja, onde terá maior visibilidade, e poderá atrair mais compradores em potencial.

A partir daí, o esquema pode se desenrolar de formas diversas, entre elas:

  • A loja concretiza a venda e embolsa o dinheiro, porém não efetua a transferência. Ao dono do carro, é informado que o bem foi roubado da loja;
  • Os documentos do carro são falsificados pela loja, o carro pode acabar sendo vendido até em um desmanche. Para o dono, a história é a mesma do caso acima, o carro foi “roubado”.

Dicas para evitar os golpes mais comuns na venda de carros usados

Agora que você já conhece alguns dos golpes mais comuns na venda de carros usados, acompanhe algumas dicas que vão te ajudar a se proteger ao comprar ou vender um carro.

●    Cheque as informações

Em muitos golpes, o automóvel anunciado não existe, como no caso do carro fantasma, o primeiro golpe citado acima. A dica é procurar informações para preencher as lacunas que podem surgir na história. Peça para ver o carro pessoalmente, confira os documentos, veja se o proprietário do carro, informado no documento, é o mesmo que está fazendo a venda.

●    Veja se há restrições para aquele veículo

Para tal fim, é possível consultar na lista Renajud se há algum tipo de bloqueio ou restrição aplicada para aquele automóvel.

●    Desconfie sempre

Propostas muito atraentes, pessoas interessadas que surgem do nada, carros com o valor de venda bem abaixo da tabela, vendedores que insistem demais e principalmente negócios imperdíveis, podem ser o início de uma cilada.

Então, caso se veja diante de uma situação assim, desconfie e redobre a atenção antes de concluir a compra.

Dica Bônus

●    Não pague antes de assinar o contrato de compra e venda

Muitos golpes comuns consistem em oferecer uma condição de compra muito vantajosa e após isso pedir o pagamento de alguma quantia para “garantir o negócio”. Casos assim, na maioria das vezes levam a grandes prejuízos para o comprador, que acaba sem carro e sem dinheiro.

Foto de Jeniffer Elaina da Silva

Especialista em seguros, Jeniffer Elaina trabalha com redação, revisão e otimização SEO desde 2012. É formada em Gestão de Seguros, Marketing e tem pós em Administração na FGV, possui curso técnico em Direito do Seguro. Possui mais de 3.000 textos e 5 e-books publicados na área de seguros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.