Seta Balao

Cote o preço do seu Seguro Auto

Qual é a marca do seu carro?

Como funciona a indenização de carros financiados com perda total?

Se você quer entender melhor como funciona a indenização de carros financiados com perda total, está no lugar certo. Leia esse artigo até o final e entenda como esse processo acontece.

Fazer um seguro é bastante vantajoso, pois o consumidor tem seus prejuízos ressarcidos em caso de sinistro.

No entanto, são comuns as dúvidas, especialmente sobre a indenização de carros financiados com perda total.

Afinal, o carro não é exatamente do usuário. Será que ele receberá os valores de indenização.

A maior parte das compras de automóveis no Brasil se deve a financiamentos.

Apenas em março de 2019, por exemplo, foram realizadas 178,7 mil vendas de carros a crédito.

Além de ser uma condição de compra comum, essa também é uma das grandes geradoras de dúvidas, inclusive ao seguro auto.

Entre as dúvidas que podem surgir entre esses proprietários é sobre como funciona a indenização para carros financiados que sofrem perda total.

O motivo é simples: quando o carro é financiado, ele não “pertence” exatamente ao comprador.

Na verdade, o usuário realmente possui o carro só quando acaba de quitar o financiamento.

Até lá, a financeira pode “tomar” o veículo em caso de não pagamento das parcelas, já que “parte” do carro é de sua propriedade.

O veículo é alienado. Quer entender como funciona o seguro neste caso? Veja a seguir.

Como funciona a indenização de carros financiados com perda total?

Imagem: Getty

Como funciona a indenização de carros financiados com perda total?

Antes de tudo, precisamos perguntar: você sabe o que é a perda total no seguro auto?

A perda total acontece quando o carro não pode ser mais utilizado pelo usuário, e gera uma indenização integral.

São duas as situações em que a indenização integral é paga.

Primeiro, quando o carro é roubado ou furtado, e não recuperado pela polícia.

Em um segundo caso, o veículo sofre um sinistro, e seus danos têm custo superior a 75% do valor de mercado do auto.

Nesta situação, não valeria a pena consertar o automóvel.

Por isso, a seguradora faz o pagamento de uma indenização suficiente para a compra de um novo veículo.

A primeira coisa que deve ficar clara sobre a indenização de carros financiados com perda total é que ela funciona de maneira diferente da indenização para perda total de carros quitados.

Essa diferença ocorre pelo seguinte motivo: para que receba a indenização, o consumidor precisa transferir o veículo para o nome da seguradora.

Ou seja, quando um carro é sinistrado e a indenização é paga por ele, ele passa a pertencer à seguradora.

Como se a seguradora tivesse comprado o carro danificado de você, pelo valor de um veículo em prefeito estado.

Quando falamos de um veículo quitado, a indenização é paga ao segurado, já que o veículo é dele.

Isso porque, o processo de transferência do veículo à empresa é a mais simples.

Mas, quando o assunto são carros alienados, existem alguns procedimentos que devem ser cumpridos.

Quais os procedimentos para receber a indenização do seguro?

Em casos em que o veículo é alienado, é preciso que a seguradora quite o veículo junto a financeira ou a empresa que financiou o carro.

Só depois de quitado o auto poderá ser transferido para o nome da seguradora.

Então, ela realizará o pagamento indenizatório. Se esse procedimento não for seguido, o pagamento não será liberado.

Vale dizer que a indenização paga ao consumidor é menor do que o total acordado.

Isso porque, a seguradora desconta dos valores o que foi pago à financeira.

Nós explicaremos mais sobre o assunto no próximo tópico. Continue lendo!

Outra opção na hora de receber a indenização é que o próprio consumidor pague pelo financiamento.

Ele quita os valores faltantes com a financiadora e transfere o carro para o seu nome.

Então, faz a “venda” à seguradora e recebe a indenização total, acordada na apólice do seguro.

Porém, pouca gente tem dinheiro para quitar o financiamento.

Além disso, como o resultado seria o mesmo do que a opção anterior, é bem mais comum que a seguradora pague o financiamento.

Como são feitas as indenizações integrais de carros alienados?

Como citado, existem duas maneiras de realizar o pagamento indenizatório de carro alienados.

Na primeira opção, o cliente pode quitar o veículo junto a financiadora e assim receber o valor integral da indenização.

Na segunda opção, a seguradora deverá quitar o veículo junto a administradora ou financeira com o dinheiro da indenização.

Então, caso sobre algum valor, ele é transferido ao segurado. Veja alguns exemplos a seguir.

Exemplo da primeira opção: José tem um carro financiado que vale R$ 80 mil, de acordo com a Tabela Fipe.

Ele ainda precisa pagar R$ 25 mil à financeira para poder quitá-lo.

Seu carro sofreu perda total em um sinistro e ele decidiu pagar o valor de R$ 25 mil à financiadora.

Assim, ele poderá receber a indenização de R$ 80 mil integralmente.

Exemplo da segunda opção: no mesmo modelo do exemplo anterior, José pode achar mais conveniente que a seguradora quite o veículo junto a financiadora com quem ele negociou.

Nesse caso, a seguradora pagará o valor de R$ 25 mil à financiadora, e José receberá a diferença. Neste caso,  R$ 55 mil.

É importante lembrar que a indenização só corresponde ao valor da tabela Fipe caso seja esse o acordo feito com a seguradora.

O valor integral da indenização fica descrito na apólice de seguro.

Em alguns casos, ele é diferente da Fipe, ou corresponde a uma porcentagem dela.

Na hora de solicitar a indenização, tenha atenção ao que diz o seu contrato.

O que é a substituição de garantia?

Existe ainda uma terceira opção na hora de receber a indenização de carros financiados com perda total.

Ela pode ser negociada caso o cliente não tenha o dinheiro para quitar o veículo, ou se sua indenização não for suficiente para que a seguradora realize a quitação junto a financiadora.

Em situações deste tipo, o cliente pode optar por substituir o carro da dívida.

Esse procedimento é chamado de substituição de garantia. Ele deve ser feito da seguinte maneira:

  • O segurado se encaminha até a financiadora;
  • Ele informa à empresa que deseja utilizar a indenização total para adquirir um novo carro no lugar do perdido;
  • O cliente deve comprar um novo veículo para substituir o antigo;
  • Com o novo carro adquirido, o antigo poderá ter realizada a sua baixa no gravame;
  • O cliente, então receberá a indenização;
  • Os valores da indenização deverão ser transferidos à financiadora logo em seguida, como pagamento do novo veículo.

Vale dizer que nem todas as financiadoras aceitam esse tipo de negociação.

Isso devido ao risco de o cliente “sumir” com o carro novo e o dinheiro da indenização.

Mas, se essa for a melhor escolha para seu caso, entre em contato com a empresa financiadora e experimente a alternativa.

O que acontece quando o financiamento é maior que a indenização integral?

Não é raro acontecer de o valor do financiamento ser maior do que a indenização integral a ser recebida no caso de perda total.

Nessas situações, cabe ao segurado negociar com a financeira uma maneira de resolver essa questão.

Ele pode, inclusive, optar pela opção da substituição de garantia, como citado no exemplo anterior.

Em todo o caso, o seguro auto não cobre perdas financeiras, apenas o valor referente ao bem segurado.

Ou seja, caso você tenha um carro alienado perdido, sua indenização será paga de acordo com o valor do carro, não incluindo juros ou taxas derivadas de negociações.

Pronto! Agora você já sabe tudo o que precisa sobre a indenização de carros financiados com perda total.

Na dúvida, converse com a financiadora e a seguradora do seu carro. Juntos, vocês poderão encontrar a melhor solução.

Algumas financiadoras, inclusive, também oferecem seguro auto.

Contratar os serviços com a mesma empresa pode facilitar todo o processo citado ao longo do texto.

Leia mais artigos sobre:
Foto de Jeniffer Elaina da Silva

Especialista em seguros, Jeniffer Elaina trabalha com redação, revisão e otimização SEO desde 2012. É formada em Gestão de Seguros, Marketing e tem pós em Administração na FGV, possui curso técnico em Direito do Seguro. Possui mais de 3.000 textos e 5 e-books publicados na área de seguros.

13 Comentários

  • clarice dos santos says:

    Bom dia, meu carro foi financiado e quitado, porém não efetuei a baixa no gravame, acontece que ocorreu uma colisão na traseira do veículo, e deu perda total, a seguradora do terceiros levou meu carro para são paulo sem me comunicar. Não sei o que fazer, meu carro está longe e ainda consta em nome do banco.

    • Augusta Miranda says:

      Olá, Clarice!
      Por favor, entre em contato com o seu advogado para tirar suas dúvidas.
      SeguroAuto é um portal de geração de leads que encaminha as solicitações de clientes em busca de um plano de seguro auto para os corretores parceiros das seguradoras em todo o Brasil.
      Atenciosamente,
      Equipe Seguro Auto

  • Marineth Rodrigues Pereira says:

    Preciso que a asseguradora pague parte das parcelas pois tive perda total do veículo, mais eles não me atendem,
    Banco pan

    • Augusta Miranda says:

      Olá, Marineth!
      Por favor, entre em contato com o seu advogado para tirar suas dúvidas.
      SeguroAuto é um portal de geração de leads que encaminha as solicitações de clientes em busca de um plano de seguro auto para os corretores parceiros das seguradoras em todo o Brasil.
      Atenciosamente,
      Equipe Seguro Auto

    • terezinha Boese says:

      Oque fazer com a financeira se o carro deu perda total e não fiz a transferência do carro pro meu nome e não paguei nem uma parcela do veículo

      • Augusta Miranda says:

        Olá, Terezinha!
        Por favor, entre em contato com o seu corretor de seguros ou seguradora contratada para tirar suas dúvidas.
        SeguroAuto é um portal de geração de leads que encaminha as solicitações de clientes em busca de um plano de seguro auto para os corretores parceiros das seguradoras em todo o Brasil.
        Atenciosamente,
        Equipe Seguro Auto

  • Paulo says:

    Meu carro estava com seguro vencido ,bateram na traseira a seguradora já assumiu mas a perícia deu PT meu carro vale 18.500 fipe mas devo 7.900 alienado o que vão fazer sou bem leigo tenho seguro de outro carro e já a quase 18 anos mas nunca tive um carro que deu PT ! Tive um pago.por furto mas era meu o seguro nesse caso do terceiro

    • Augusta Miranda says:

      Olá, Paulo!
      É comum a seguradora pedir pagamento das multas, respectivos impostos pertinentes ao veículo e quitação de dívidas para efeito da indenização do seguro. Outra opção é a seguradora descontar dos valores o que foi pago à financeira.
      Atenciosamente,
      Equipe Seguro Auto

  • Brunela says:

    Meu marido morreu em um acidente o carro estava em nome dele e deu perda total ele so tinha pago uma parcela do financiamento.
    A indenização vai toda pra pagar o banco e eu vou ficar sem carro?

    • Augusta Miranda says:

      Olá, Brunela!
      Por favor, entre em contato com o seu advogado para tirar suas dúvidas.
      SeguroAuto é um portal de geração de leads que encaminha as solicitações de clientes em busca de um plano de seguro auto para os corretores parceiros das seguradoras em todo o Brasil.
      Atenciosamente,
      Equipe Seguro Auto

  • Luiz carlos de souza da silva says:

    Boa noite meu carro esta financiado
    E acabei tendo uma colisão onde deu perca tota.irei optar pra seguradora quitar e me devolver a diferença. Minha pergunta é: a seguradora consegue negociar a quitação do carro junto a financeira para obter um desconto e assim aumentar o possível valor da minha indenização?

    • Augusta Miranda says:

      Olá, Luiz!

      SeguroAuto é um portal de geração de leads que encaminha as solicitações de clientes em busca de um plano de seguro auto para os corretores parceiros das seguradoras em todo o Brasil.
      Não somos seguradora e por isso pedimos que, para dúvidas pertinentes ao contrato, o leitor entre em contato com o seu corretor de seguros ou seguradora contratada para saná-las.
      Aqui em nossa página solucionamos dúvidas referentes ao nosso site, como fazer cotação do seguro auto, entre outras pertinentes. As que são relacionadas ao serviço ofertado por uma seguradora apenas ela tem autorização para resolver. Portanto, solicitamos que o leitor entre em contato diretamente com a mesma.

      Atenciosamente,
      Equipe Seguro Auto

  • Sueli Alves dos Santos Guimarães says:

    Boa noite,

    Carro financiado, meu carro vale 12, deu perda total.
    Eu devo 10 mil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.