dcsimg

Os grandes problemas dos carros pequenos

Os carros pequenos já foram bastante utilizados no passado, mas por muito tempo ficaram nas garagens dos colecionadores, afinal as pessoas buscavam carros grandes e espaçosos. Porém com a grande quantidade de veículos nas ruas, a falta de espalho para estacionar e a grande quantidade de pessoas que andam sozinhas eles voltaram a ser vistos como uma boa alternativa.

Esses carros pequenos seriam perfeitos para levar apenas duas pessoas, caberiam em espaços menores o que facilitaria muito na hora de encontrara uma vaga e seriam mais econômicos, isso porque como teriam que transportam menos peso exigiriam menos combustível. Isso realmente não deixa de ser uma verdade para o consumidor, porém para as montadoras não é bem isso que acontece.

Por exemplo, o Smart Fortwo da Mercedes-Benz foi considerado o carro que mais deu prejuízo nas últimas duas décadas. Isso ocorreu devido ao seu alto custo de produção, isso porque o projeto exigiu um grande investimento para criar um carro barato. E apesar das vendas não serem ruins, elas ficaram cerca de 40% abaixo do esperado. Há outros carros mais baratos também!

Isso acontece porque o consumidor não está acostumado com os carros compactos e por conta disso esse modelo nem sempre agrada aos olhos. Muitos ainda acham o carro estranho e que não cabe uma pessoa confortavelmente dentro dele (o que não é verdade). O design dele realmente não agradou muito tanto que as montadoras tiveram que repensar neles para continuar a garantir as suas vendas.

Por isso é preciso pensar um modelo que seja mais atrativo aos olhos, não basta ele ser bonito, é preciso que realmente ele faça com que o consumidor queira um desse. E uma forma de se conseguir isso talvez seja ressaltando as suas vantagens.

Outro fato é que muita gente acha que eles não oferecem segurança devido ao seu tamanho, porém isso é um fator que é bastante valorizado neles e sim, eles oferecem todos os itens de segurança necessários. Tanto que essa parte dos projetos são muito bem trabalhadas.

Apesar de as pessoas acharem o carro bonitinho e talvez mais econômico, a verdade é que a grande maioria dos consumidores ainda não foi pego por eles e não consegue se imaginar em um carro desses. Para dar um passeio sozinho talvez ele atrai, mas nas atividades do dia a dia ele aia passa longe do sonho dos consumidores.

Para que esses carros continuem no mercado eles precisarão encontrar estratégias de atrair os consumidores e principalmente proporcionarem mais benefícios.

Leia mais artigos sobre:

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário