dcsimg

Vem aí o IPVA 2018: prepare-se para o pagamento!

Vem aí o IPVA 2018: prepare-se para o pagamento!Para que o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) não pese muito no seu orçamento, é preciso se organizar.  

Sabendo com antecedência quanto terá que pagar, comece a se planejar para o pagamento, porque a cobrança é realizada no primeiro mês de 2018.

Valor a pagar

Para cada estado do Brasil existe uma alíquota diferente no cálculo do valor a pagar do IPVA. Mas com certeza ela vai variar entre 0,5% a 4% sobre o valor venal do seu veículo. Esse cálculo é estipulado pela tabela da FIPE, Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas.

LINK: http://revistaautoesporte.globo.com/Noticias/noticia/2017/10/editar-guia-do-ipva-2018.html

O IPVA no estado de São Paulo é um dos mais caros do país. Sua alíquota é de 4%, tanto para motores a gasolina, como flex. A alíquota dos veículos a álcool, gás ou elétricos é um pouco menor, de 3%. Os ônibus, motocicletas, picapes com cabine simples e similares tem alíquota do imposto de 2% sobre o valor venal. Caminhões são os que pagam menos IPVA, com alíquota de 1,5%.

Vem aí o IPVA 2018: prepare-se para o pagamento!

Prazos de pagamento

Os prazos para pagamento do IPVA também variam de estado para estado e de acordo com o final da placa do veículo. Você pode conferir todas as informações no site do Detran ou no site da Secretaria da Fazenda do seu estado.

Para o estado de São Paulo, você pode conferir na tabela abaixo as datas de vencimento para 2018:

Calendário para pagamento do IPVA 2018

Tabela: Calendário para pagamento do IPVA 2018, no estado de São Paulo (FOTO: DIVULGAÇÃO – Fonte: Governo de São Paulo)

O valor do seu IPVA pode ser obtido consultando o site do Detran SP, desta forma:

Acesse o site no link http://www.detran.sp.gov.br.

  • Preencha o campo com a Placa do veículo;
  • Preencha o campo com o número doRenavam;
  • Preencha o campo com as letras solicitadas;
  • Clique em Avançar.

Como você quer pagar?

Não é possível escapar do IPVA. Se você pretende continuar usando seu veículo, e quer se livrar desse encargo rapidamente, você pode pagar a cota única, no mês de janeiro. Assim você vai se beneficiar de um desconto, que também varia conforme o estado. Em São Paulo, o desconto é de apenas 3% para quem paga todo o valor do imposto.

Mas se você quiser, pode parcelar o pagamento em três vezes, seguindo uma tabela que varia conforme a placa do veículo. Você também poderá pagar o valor total no mês de fevereiro, mas será sem o desconto.

Como você quer pagar?

Onde posso pagar?

Você pode pagar em diversos bancos que são credenciados, debitando diretamente na sua conta corrente. Alguns desses bancos são a Caixa Econômica, o Banco do Brasil, o Santander e o Bradesco. É possível pagar pela internet, sem ter que se deslocar até o banco. O importante é estar de posse do número do Renavam do veículo, que será solicitado pelo sistema bancário para poder receber o pagamento.

Faça a cotação do seu seguro auto online!
Qual é a marca do seu carro?

Para 2018, a Secretaria da Fazenda de São Paulo avisou que não vai mais mandar notificação para os proprietários dos veículos, avisando do pagamento do IPVA. Os proprietários deverão consultar o site da instituição para saber os valores com antecedência, ou consultar na agência bancária, através do número do Renavam do veículo.

E se eu não pagar ou atrasar o pagamento do IPVA?

E se eu não pagar ou atrasar o pagamento do IPVA?

Caso você não pague ou atrase o pagamento, será considerado um motorista e proprietário inadimplente. Serão várias as consequências, todas elas bem desagradáveis. As penalidades são aplicadas pelo Detran e variam desde o pagamento de multas, até a apreensão do veículo e perda da CNH – Carteira Nacional de Habilitação.

O inadimplente do IPVA também tem seu nome encaminhado para a Dívida Ativa do estado onde reside e será acionado por esse órgão, além de ter seu nome comprometido. A execução fiscal da dívida poderá levar até ao leilão do veículo. Enquanto não liquidar a dívida, o proprietário não pode solicitar financiamentos bancários, principalmente imobiliários.

Veículos com mais de 20 anos de fabricação, dependendo do estado brasileiro, ficam isentos de pagar IPVA, como é o caso em São Paulo.

Veículos de transporte escolar também são isentos.

Multa por atraso no pagamento

Se o IPVA não for paga no prazo, o proprietário do veículo fica sujeito à multa de 0,33% por dia, depois da data do vencimento, além de juros de mora, calculados segundo a taxa Selic, até o máximo de 20%.

Seguro obrigatório DPVAT – pago com a primeira parcela do IPVA

Juntamente com a primeira parcela do IPVA é cobrado o prêmio do seguro obrigatório, o DPVAT. O parcelamento em três vezes do DPVAT é permitido apenas para motos, vans, ônibus e micro-ônibus.

É importante manter o veículo com os pagamentos de impostos em dia, para evitar dores de cabeça e aborrecimentos. Prepare-se com antecedência, neste final de ano, para os pagamentos do IPVA, DPVAT e até o Licenciamento 2018, sem ser pego de surpresa.

Seguro obrigatório DPVAT – pago com a primeira parcela do IPVA

Essas despesas costumam pesar no orçamento dos proprietários de veículos, e se tornam problemas quando o pagamento atrasa e incorre em juros e multas.

Para poder rodar tranquilamente com seu carro, é preciso quitar todos os impostos devidos e manter a situação do veículo regularizada. Consulte o site do Detran do seu estado, porque ele informa sobre valores a serem pagos, inclusive quanto as condições do Licenciamento 2018. Os agentes de trânsito aplicam multas altas pela falta de licenciamento, inclusive no caso de você não portar o documento de licenciamento enquanto estiver dirigindo o carro. Sempre é bom consultar o site do Detran também para verificar a existência de multas. Muitos proprietários não sabem da existência de multas, principalmente quando não são os únicos a dirigirem o carro. Elas podem ir se acumulando e se transformarem num pesadelo na hora de renovar o licenciamento.

No momento em que os brasileiros enfrentam a crise financeira, é necessário procurar formas de economizar e formar uma reserva, para pagar esses tributos que chegam no início do ano, sem que a vida se complique para 2018.

No presente momento de crise financeira em que o país anda passando, é necessário que o contribuinte procure sempre formas de economizar ao máximo para quitar todos os impostos do seu veículo.

Leia mais artigos sobre:

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário