Seta Balao

COTE AQUI SEU SEGURO AUTO RAPIDINHO!

Qual é a marca do seu carro?

Vale a pena fazer seguro de moto em cooperativa?

Entenda por que não é um bom negócio contratar um seguro de moto em cooperativa, qual a diferença entre a cooperativa e a seguradora e mais detalhes sobre esse assunto.

Não contar com um seguro nos dias atuais é praticamente uma loucura, pois os índices de roubo estão cada vez mais altos e, independentemente de você ter um carro ou uma moto, é importante garantir sua proteção.

A grande questão é que muitas pessoas não dispõem de condições financeiras para arcar com um seguro em uma empresa conhecida no mercado. E essas pessoas podem acabar optando por contratar um seguro de moto em cooperativa. Mas, essa não é uma boa ideia, entenda porquê.

Vale a pena fazer seguro de moto em cooperativa?

Como funcionam as cooperativas?

Assim como as associações, as cooperativas funcionam diferentemente dos seguros. Basicamente, elas se tratam de um grupo de pessoas que se organizam para administrar um fundo monetário, formado pelo pagamento de uma taxa anual e mensalidades mais baixas que os valores encontrados nos seguros.

Quando um carro protegido pelo serviço sofre um sinistro, os responsáveis deste grupo contratam então um profissional e arcam com os reparos necessários com o valor acumulado no fundo coletivo.

Apesar de parecer um negócio interessante, especialmente pelo baixo valor mensal pago, não se trata de uma proteção realmente garantida. Já que se mais de um carro do grupo sofrer um acidente, é possível que não haja dinheiro em caixa suficiente para arcar com os custos de reparo dos dois veículos. Especialmente se os sinistros forem considerados perda total.

Veja a diferença do seguro em relação a cooperativa

Diferentemente das cooperativas, as seguradoras se tratam de empresas que possuem uma boa reserva financeira e, logo, não correm riscos de não ter dinheiro para indenizar seus segurados.

Além disso, quando se contrata o serviço de uma seguradora, você terá a seu alcance profissionais treinados e agilidade nos processos, fatores que tornaram sua experiência muito mais tranquila e segura.

Porque contratar um seguro de moto em cooperativa é arriscado?

Contar com um seguro de moto em cooperativa é muito arriscado. Pode ser que o cliente nunca tenha certeza da idoneidade e competência dos profissionais envolvidos e, por isso, corra riscos de cair em golpes e ter imensos prejuízos.

Existem muitas cooperativas que vendem proteção veicular como se fosse seguro, e que quando o cliente precisa de um serviço ou indenização encontra dificuldades e muitas vezes um não. Por isso, prefira sempre contratar serviços de empresas de seguro devidamente cadastradas na SUSEP, órgão que cuida do setor.

Leia mais artigos sobre:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *