Seta Balao

Cote o preço do seu Seguro Auto

Qual é a marca do seu carro?

IPVA 2021: saiba como se planejar para o pagamento sem atrasos

Não são todos os motoristas que sabem como se planejar para o pagamento IPVA 2021. Afinal de contas, muitas pessoas ainda acham que, por causa da pandemia do novo coronavírus, esse tributo não será cobrado. Além disso, muitos acabam esquecendo do tributo ou não se planejam para ter o dinheiro necessário para quitá-lo logo em janeiro deste ano.

Existe ainda aquele grupo de pessoas que acredita que é permitido ao estado apreender o carro do contribuinte que não pagou o IPVA. Isso não é verdadeiro: não há risco de você perder seu veículo por causa do tributo em atraso. No entanto, você não poderá fazer o licenciamento se não tiver com o IPVA quitado e, por causa disso, não poderá andar com o carro sob risco de multas e pontos na carteira.

E aí, quer saber como se planejar para o pagamento do IPVA 2021 e evitar esse cenário? Então siga a leitura do artigo abaixo!

IPVA 2021: saiba como se planejar para o pagamento sem atrasos

Imagem de Tanja-Denise Schantz por Pixabay

Como se planejar para o pagamento do IPVA 2021 em 4 passos

1. Entenda quanto terá de pagar

O primeiro passo para planejar qualquer pagamento, de qualquer compromisso, é entender quanto você precisará pagar. Para isso, é só olhar mais ou menos qual é a alíquota do imposto no seu estado e pesquisar o valor venal do veículo.

Por exemplo, se você comprou um seminovo em uma plataforma como a Karvi, provavelmente pagará menos do que quem tem o mesmo carro, mas em uma versão mais moderna. A explicação disso é que o valor venal cai com o tempo e a alíquota do imposto cria um tributo menor.

Sabendo quanto terá de pagar, é hora de analisar as opções. Para isso, inicie vendo qual é o desconto para pagar à vista. Pode ser mais vantajoso se organizar para pagar o tributo de uma vez, dependendo do montante.

Ao chegar ao valor que você terá de pagar, é hora de passar para o segundo passo do artigo.

Aproveite e veja a tabela de preço do IPVA e saiba quais são os valores e como pagar!

2. Junte dinheiro durante o ano

O IPVA é um imposto anual e, por isso, muita gente deixa para se preocupar com ele apenas uma vez por ano. No entanto, se você tiver o IPVA em mente durante os outros meses, ele ficará muito mais leve de lidar.

Suponha, por exemplo, que o IPVA do seu carro é de R$1.200,00. Se você pagar de uma vez, terá de arcar com um dinheirão. Se parcelar em 3 vezes, que é o padrão oferecido pelo Estado, são R$400,00 por mês. No entanto, se separar o valor a cada 12 meses, poderá juntar apenas R$100,00 todo mês. Nada mal, né?

Assim, lembre-se da existência do IPVA todos os meses. Faça uma poupancinha com o dinheiro do imposto e vá juntando todos os meses para não pesar nada nas suas contas.

3. Prefira pagar tudo de uma vez

Como dito, existe a possibilidade de pagar o IPVA todo de uma vez ou parcelado em 3 vezes. Pagar parcelado pode ser mais fácil para quem não tem o dinheiro agora, já que poderá reduzir o impacto mensal do tributo.

No entanto, pagar à vista pode ser mais vantajoso, pois há um desconto que varia de estado para estado. Em alguns casos, é possível economizar até algumas centenas de reais que fazem toda a diferença para o motorista, não é mesmo?

É claro que, na impossibilidade de fazer isso, a melhor opção é parcelar mesmo. Mas, se for possível, prefira quitar de uma vez.

4. Conte com um despachante para parcelar o atraso

Mas o que fazer caso você tenha atrasado o IPVA? Há alguma solução? O que está a seu dispor? Nesse caso, uma boa ideia é entrar em contato com um despachante. Esse tipo de profissional consegue preparar um modelo de pagamento que seja mais fácil para você. Aceitando alguns juros, por exemplo, será possível pagar o IPVA atrasado em 12 vezes. Funciona assim: o despachante paga o valor do IPVA e você o reembolsa com pagamentos acrescidos de juros todos os meses. Isso permite lidar com valores mensais menores do tributo, o que é o ideal para quem tem uma renda mensal reduzida.

É claro que há a cobrança de juros nesse negócio, o que aumenta o valor final da dívida. No entanto, é uma questão de equilíbrio: pagar um pouco mais no total para poder pagar um pouco menos todos os meses.

Quer saber como funciona a restituição do IPVA após a perda total do carro? Confira aqui!

Pronto! Agora você aprendeu algumas dicas de como se planejar para o pagamento do IPVA 2021 de maneira fácil e rápida. De fato, não há muito mistério envolvendo o tributo de carros no começo do ano. Basta entender quais são as datas de parcelamento, caso vá parcelar, ou qual é o valor com desconto para quitar tudo na hora. Se você fizer isso, poderá garantir que não atrasará esse tributo nunca mais.

Gostou das nossas dicas? Então compartilhe este conteúdo nas redes sociais agora mesmo!

Leia mais artigos sobre:
Foto de Andréia Silveira

Andreia Silveira é redatora desde 2011, especialista em conteúdos sobre seguro para carros. É copidesque, redatora, editora e atua na área de criação de infográficos e release com dicas para autos. Também é responsável pela otimização SEO no canal do YouTube para o SeguroAuto.org.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *