Seta Balao

Cote o preço do seu Seguro Auto

Qual é a marca do seu carro?

Qual a idade de risco para seguro

Se você é um jovem motorista deve ter percebido que seu seguro auto pode ser bem mais caro que o de pessoas dentro de outras faixas etárias. Neste artigo explicaremos por que isso acontece, qual a idade de risco para o seguro e como economizar nessa contratação, acompanhe.

Atualmente contar com um seguro auto é fundamental, não apenas para se prevenir em casos de roubo e furto, que vem se tornando cada vez maiores e mais frequentes, como também para evitar gastos extras com o veículo, relacionados a colisões e muitas outras situações.

Todo mundo sabe que para contratar um seguro auto é preciso pagar um valor, conhecido como prêmio para ter direito a proteção.

O que muita gente ainda desconhece é que este valor é calculado com base no perfil do motorista e que, a idade do condutor influência diretamente no preço desse serviço.

Neste artigo, falaremos como essa contratação funciona, qual a idade de risco para o seguro auto, como esse valor é calculado e ainda mostraremos algumas dicas de como conseguir economizar na contratação do seguro, acompanhe.

Qual a idade de risco para seguro

Fonte: Pixabay

Como o valor do seguro auto é calculado?

Certamente você já ouviu ou leu em algum lugar que para contratar um seguro auto é preciso realizar o maior número possível de cotações.

Essa dica é importante porque o seguro auto possui uma série de coberturas e valores que variam de uma empresa para outra.

Mas esse não é o único motivo, além da variação de preços cobrados pelos serviços oferecidos, também existe a variação dos valores que são usados no cálculo dos riscos associados ao perfil do condutor.

A precificação de um seguro auto é sempre calculada com base nos serviços oferecidos, período de vigência da apólice e informações pessoais do condutor, também conhecido como perfil.

O perfil do motorista é analisado para que a seguradora tenha uma ideia de quais são as chances desse motorista se envolver em um problema ou sofrer um sinistro e, quanto maior for essa chance, maior será o valor cobrado pelo prêmio.

As informações relacionadas ao perfil do condutor podem variar de uma seguradora para outra, mas de maneira geral consideram questões como, local onde o motorista reside e trabalha e/ou estuda, região por onde ele mais circula com o veículo, dias e horários em que ele mais usa o veículo, se ele costuma deixar o carro na rua ou em estacionamentos fechados, se o veículo pernoita em garagem fechada e mais.

Além de perguntas sobre hábitos diários os motoristas que desejam contratar um seguro também precisam responder algumas questões pessoais como idade, gênero, estado civil, se tem filhos menores ou não e outras.

Também é avaliado o índice de roubo dos veículos por modelo, o valor de mercado do carro e outros.

As variáveis consideradas para a definição do valor do seguro são diversas.

Juntas, elas ajudam a seguradora a determinar os riscos a que o carro e o motorista estão mais sujeitos.

Se ele tiver maior chance de ser roubado ou colidir, por exemplo, o custo da proteção será maior.

Por que a idade influencia tanto no valor do seguro auto?

Entre as muitas variáveis consideradas na precificação de um seguro auto, a idade do condutor talvez seja uma das que tem mais peso.

Isso acontece porque as seguradoras, baseadas em estatísticas, acreditam que, quanto mais jovem for o condutor maiores serão as chances dele se envolver em um acidente ou de ter problemas com o veículo.

Os motoristas mais jovens, com idade entre 18 e 25 anos, além de serem menos experientes ao volante, visto que é possível se habilitar apenas com 18 anos, também são os mais imprudentes.

As estatísticas apontam que essa faixa etária é a mais recorrente nos índices de colisão, roubo e furto, direção perigosa, embriaguez ao volante e muito mais.

Além disso, é comum encontrar jovens omissos com questões relacionadas a manutenção do veículo, o que pode acarretar problemas mecânicos ou elétricos e até mesmo acidentes.

Em contra partida, motoristas mais velhos, como aqueles com 30 anos ou mais, são automaticamente considerados mais experientes e responsáveis, por isso, acabam pagando menos.

Qual a idade de risco para o seguro auto?

Como mencionado, quanto mais jovem for o motorista, maior será o risco dele se envolver em um acidente de trânsito.

Por isso, os motoristas com idade entre 18 a 24 anos são os que pagam mais caro pelo seguro, pois, esta é a idade de risco para o seguro auto.

Para se ter uma ideia, mais de 70% das mortes em todo o mundo são de jovens com até 25 anos e entre as causas, a mais frequente são os acidentes de trânsito.

Sendo que o Brasil figura o terceiro lugar nesse ranking de países com mais morte de jovens no trânsito, perdendo apenas para Índia e a China.

O DPVAT também reforça esses números.

De acordo com seu último relatório anual, 47% das indenizações pagas em 2018 foram para pessoas entre 18 e 34 anos.

Como resultado de um risco maior para os jovens, as seguradoras tem mais chances de arcar com indenização.

Por isso, ela precisa se resguardar, e a maneira mais eficaz que as seguradoras encontram para fazer isso é cobrando valores maiores pela contratação de um seguro de 18 a 25 anos.

Nunca minta durante a contratação do seguro de automóvel

Antes de falar mais sobre o assunto e mostrar como conseguir reduzir o valor do seguro de automóvel, é importante destacarmos um ponto: o usuário não deve mentir para a seguradora!

Imagine que você é um jovem e já sabe que, por isso, vai pagar mais caro pelo seguro.

Para burlar essa regra de perfil, então, você convence seu pai a contratar a apólice.

Como ele já possui anos de experiência ao volante, o custo da proteção oferecida a ele será menor.

Este será um ótimo negócio, não é mesmo?

Na verdade, não.

Na hora de contratar o seguro, seu pai vai realmente pagar menos pelo seguro.

Porém, após um sinistro, a seguradora verificará todas as informações.

Caso perceba que o segurado mentiu, e que o carro é utilizado por você, a empresa pode alegar fraude.

Então, ela se negará a pagar a indenização.

Ou seja, o usuário pagará sozinho pelo prejuízo com o veículo.

Se desejar, a seguradora ainda poderá cancelar a apólice, e até entrar com processo judicial contra os segurados.

Dicas para diminuir o valor do seguro

Apesar dos jovens pagarem um pouco mais pelo seguro auto, é possível diminuir os custos da contratação desse serviço tomando alguns cuidados em outros aspectos que também são considerados na precificação da proteção.

A seguir, listamos algumas dicas de como conseguir economizar na contratação do seguro, mesmo sendo um usuário dentro da faixa de idade de risco para o seguro auto, acompanhe:

  1. Faça muitas cotações

Quanto maior for o número de cotações, tanto com coberturas, como com seguradoras diferentes, maior será sua chance de conseguir contratar um seguro auto por um preço mais acessível.

Por isso, não tenha preguiça, faça o máximo de cotações que conseguir e, se tiver dificuldades conte com a ajuda de um corretor de seguros especializado no assunto.

Esse profissional poderá deixar esse processo bem mais simples e ágil.

  1. Preencha o formulário com atenção

Na hora de contratar um seguro, é necessário que o consumidor preencha um formulário de risco.

Onde devem constar diversas informações, como a sua idade, tempo de CNH, local de residência, uso do veículo e mais.

Ao fornecer todos os dados no formulário, é necessário que todos eles correspondam com a verdade.

Isso evitará problemas futuros, como negativa da indenização.

Além disso, poderá garantir descontos por outros aspectos.

  1. Contrate apenas o que é realmente importante

A maioria das seguradoras oferece uma vasta opção de coberturas adicionais como proteção para vidros, terceiros, incêndio e muito mais.

Na hora de escolher as coberturas para a proteção do seu veículo, é importante fazer isso com o pé no chão.

Por exemplo, se mora em uma cidade onde enchentes e alagamentos não são comuns, talvez não seja interessante contratar essa cobertura.

Você acabará pagando por uma proteção que não lhe será útil.

  1. Tenha uma garagem com portão

Não deixar o carro estacionado na rua diminui bastante os riscos de ele ser roubado, furtado ou colidido.

Por isso, se a sua casa tiver garagem com portão, seu seguro terá custo mais baixo.

Isso também vale para quando o veículo é estacionado em um espaço fechado durante seu dia de trabalho, ou o período de estudo.

Portanto, vale a pena colocar na ponta do lápis o seu gasto com estacionamento privado e o custo com o seguro.

Normalmente, a economia com o seguro vale a pena.

  1. Instale itens de segurança

Para prevenir roubos e furtos, é indicado instalar no veículo, alarmes e trava de segurança.

Outro dispositivo interessante é o rastreador.

O rastreador é uma ferramenta que localiza o veículo, e pode ajudar a recuperá-lo após o carro ser levado.

Quando o auto é roubado e não recuperado, a seguradora precisa arcar com a indenização integral do seguro.

Porém, se o carro for recuperado, a indenização paga é apenas parcial.

Ou seja, bem menor do que a primeira.

  1. Não ignore a assistência 24 horas

Muitas pessoas podem acreditar que deixar de contratar a assistência 24 horas pode trazer economia, mas nem sempre isso é verdade.

Apesar da não contratação dessa cobertura acabar deixando o valor do prêmio mais baixo, a assistência 24 horas é uma cobertura onde diversos socorros e serviços mais comuns do dia a dia são cobertos.

E, alguns deles podem sair muito mais baratos se contratados através do seguro do que de maneira particular.

Por isso, não ignore essa cobertura e esteja atento a todos os benefícios que ela oferece.

É importante dizer que, mesmo que a juventude seja a idade de risco para o seguro, é fundamental contar com essa proteção nesse período.

Afinal, os jovens realmente estão mais suscetíveis a acidentes e ter um seguro auto pode fazer toda a diferença nesse caso.

Assim, você obterá auxílio em caso de sinistro, e reparação dos seus prejuízos.

Tomando os cuidados citados, e pesquisando bastante, você poderá encontrar o melhor seguro auto para jovens!

Leia mais artigos sobre:
Foto de Jeniffer Elaina da Silva

Especialista em seguros, Jeniffer Elaina trabalha com redação, revisão e otimização SEO desde 2012. É formada em Marketing com pós em Administração na FGV, possui curso técnico em Direito do Seguro e atualmente cursa Gestão de Seguros. Possui mais de 2.000 textos e 5 e-books publicados na área de seguros.

6 Comentários

  • Marco Antônio Rezende Abreu says:

    Bom dia,

    A restrição de idade de 18 a 25 anos se refere ao dia do aniversario de 25 anos ou 25 anos, 11 meses e 30 dias?

    Att

  • Marilza de Carvalho Horta says:

    Boa tarde, o meu corretor de seguro pesquisou em três seguradoras sobre seguro de carro. Tudo ok, nome limpo, mas tenho 73 anos. A idade constitui impedimento para se ter seguro? As três não aceitaram.

    Aguardo retorno.

    • Sanaira Silveira says:

      Bom dia Marilza,

      Obrigada por comentar no SeguroAuto,
      Visite nosso site e faça sua cotação já! Preencha o formulário em nossa página clicando no link https://vemm.go2cloud.org/aff_c?offer_id=129&aff_id=1339 e aguarde um corretor parceiro entrar em contato com você para tirar suas dúvidas.

      Atenciosamente.

  • Giulia says:

    Boa tarde,

    Gostaria de saber se é possível você estipular idade que seu seguro vai cobrir, como por exemplo, só cobre se o condutor tiver mais de 26 anos.

    Obrigado

    • Sanaira Silveira says:

      Bom dia Giulia,

      Obrigada por comentar no SeguroAuto,
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação ou renovação de seguro, preencha o formulário em nossa página clicando no link https://www.seguroauto.org/cote para que um corretor parceiro entre em contato com você e tire suas dúvidas.

      Atenciosamente.

  • João Oliveira says:

    Boa tarde,

    Prezados senhores, solicito informação sobre o máximo de idade que possa fazer um seguro de automóvel, tenho 68 anos e uma seguradora negou que eu possa fazer o tal, o carro está em nome de minha esposa e eu seria o condutor, saberia informar até que idade, não tenho multa, meu CPF está regular, o seguro seria pago no cartão de crédito, qual seria a razão, o carro será para passeio.

    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *