dcsimg

10 erros que não se deve cometer ao fazer um seguro auto

Quando as pessoas procuram por um seguro auto muitas vezes não conhecem todas as regras de como funcionam os seguros e por conta disso e acabam cometendo alguns erros que podem prejudicar na hora do pagamento das indenizações.

Por isso veja quais são esses erros mais comuns ao fazer um seguro auto.

Erros ao fazer um seguro auto

1 – Não informar todos os condutores do veículo

Muita gente acaba informando apenas o condutor principal do veículo e não coloca outros membros familiares que também dirigem o veículo. Tudo bem que colocar um jovem condutor pode deixar o seguro mais caro, mas isso deve ser declarado para que a seguradora não cancele sua apólice.

2 – Não avisar sobre a permanência do carro em outra localidade

Quando for viajar não tem problema, mas quando algum membro da família se muda e leva o carro junto essa mudança precisa ser informada a seguradora para que a cobertura continue válida.

3 – O principal condutor do veículo mudou

Se você comprou outro carro e passou o seu para seu filho, o ideal é transferir para o nome dele, não apenas o veículo como também o seguro, isso porque o perfil de utilização do veículo também tende a mudar.

4 – Comprar um carro para outra pessoa

Às vezes é comum comprar um veículo para um parente em seu nome ou porque ele está impedido de fazer um financiamento ou por algum outro motivo. O que ocorre é que o seguro costuma ser feito no nome do proprietário do veículo, por isso deve se informar essa condição à seguradora para verificar a possibilidade de se fazer o seguro.

5 – Emprestar o veículo

Seja porque você vai viajar por um longo período ou porque um amigo precisa do veículo or um período maior, fazer esse empréstimo sem notificar a seguradora pode trazer dor de cabeça.

6 – Vendeu o veículo, mas ainda não transferiu o documento

Às vezes a documentação pode demorar para sair e você já deixa o novo proprietário com o veículo. Nesse caso, além da você continuar pagando o segura a seguradora não irá arcar com os custos caso haja algum sinistro, isso porque essa condição não estava especificada na apólice.

Nesse caso ainda existe o problema de o veículo levar multa e ir tudo para o seu nome e para fazer a transferência será trabalhoso.

7 – Utilizar o veículo para trabalhar

Se não foi informado que o veículo é utilizado para desempenhar o seu trabalho como visitar clientes ou até mesmo para fazer transporte de pequenas cargas, informa rapidamente a seguradora

8 – Deixar terceiros dirigir seu carro

Seja um amigo ou um parente que mesmo que esporadicamente dirige o veículo essa informação deve constar na apólice. Caso seja mais de uma pessoa essa informação pode ser inserida de forma genérica.

9 – Trocou de carro

Quando se troca de carro, provavelmente as coberturas continuem as mesmas, mas pode haver diferença de valores no prêmio por conta do modelo do veículo, por isso assim que fizer a troca faça a notificação.

10 – Fazer modificações no veículo

Sempre que uma mudança estética for feita deve notificar a seguradora, isso porque isso costuma elevar o valor do reparo caso esse seja necessário.

Você também está cometendo esses fazer um seguro auto? Fique de olho e faça sua cotação no SeguroAuto.org!

Faça a cotação do seu seguro auto online!
Qual é a marca do seu carro?

Leia mais artigos sobre:

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário