Seta Balao

COTE AQUI SEU SEGURO AUTO RAPIDINHO!

Qual é a marca do seu carro?

O que é seguro de casco? Entenda tudo sobre ele!

O seguro de casco tem como objetivo proteger o veículo com determinadas coberturas contratadas. Entenda como ele funciona, qual a sua função e regras. 

Na hora de contratar um seguro, é importante conversar com um corretor. Afinal, o especialista pode te ajudar a definir as melhores coberturas ao seu veículo.

Sabendo da importância desse cuidado, você procurou um corretor para negociar um seguro.

Durante toda a conversa, porém, ele não parou de citar um tal “seguro de casco”. E você, não parou de se perguntar: “o que é um seguro de casco?”.

Um seguro de casco nada mais é do que um seguro para danos no veículo. Ele também é chamado de seguro auto, seguro de carro e outros semelhantes.

O nome é utilizado para diferenciar esse tipo de proteção da cobertura para terceiros. A cobertura de um seguro para terceiros paga os prejuízos de um carro envolvido em sinistro com o segurado.

Por exemplo, um veículo em que o segurado colide. Contar com esse serviço é interessante porque, com ele, o usuário não precisa arcar com os prejuízos do terceiro do próprio bolso.

A cobertura para terceiros é um adicional do seguro, que pode ser contratado sempre que o consumidor desejar. Além dele, existem várias outras coberturas adicionais, que podem ou não ser interessantes ao usuário.

Por isso, sempre vale a pena avaliar os diversos serviços oferecidos por uma seguradora. Continue acompanhando o texto e descubra quais são eles!

O que é seguro de casco? Entenda tudo sobre ele!

Quais as coberturas do seguro de casco?

As coberturas oferecidas por um seguro variam muito por empresa. Algumas seguradoras oferecem apenas as mais básicas, enquanto outras seguram o veículo com adicionais bem específicos.

Por isso, na hora de adquirir o seu seguro, é fundamental pesquisar bastante entre as companhias. Assim, você terá a certeza de contratar todos os serviços necessários.

Outro ponto pelo qual a pesquisa é importante é o preço do seguro. Diversos fatores influenciam a cotação do serviço, e as seguradoras dão peso maior a cada um deles.

Há empresas em que a idade do motorista é um aspecto-chave. Já outras preferem avaliar o modelo do veículo e o seu tipo de uso.

Então, fazer variadas cotações vai permitir encontrar preços mais em conta.

Antes de apresentar as coberturas de um seguro de casco, também precisamos destacar a importância de contratar todas as necessárias.

O custo de um seguro também leva em conta o número de coberturas contratadas pelo consumidor.

Buscando economizar, muitos clientes excluem algumas proteções do seu plano. Essa estratégia, porém, pode trazer mais problemas do que economia.

Imagine que a sua cidade sofra inundação constante. Para economizar, porém, você excluiu a proteção contra inundação do seu seguro.

Então, um alagamento acontece e seu carro é completamente danificado.

O resultado será um imenso prejuízo! Você poderá ficar sem carro, se ele tiver sido muito danificado, ou pagar altos valores para o reparo.

Ou seja: o valor pago pela cobertura seria bem menor do que o seu prejuízo.

Por outro lado, com a cobertura para inundação, você teria total suporte da operadora. No caso da perda total do veículo, o seguro pagaria indenização para a compra de um novo auto.

Se a perda fosse parcial, parte dos valores para conserto seriam pagos pela seguradora.

A seguir, listamos os tipos de cobertura disponíveis em um seguro auto.

Cobertura parcial

A cobertura parcial é muito comum para clientes que desejam uma proteção mais básica para o veículo. Ela cobre o carro apenas em casos de roubo, furto e incêndio.

Coberturas básicas

Já as coberturas básicas são um pouco mais abrangentes, e são contratadas como um plano único.

Caso deseje, o usuário pode unir coberturas adicionais a este plano, como explicaremos no próximo tópico.

Um seguro com cobertura básica oferece proteção contra roubo, furto, incêndio, colisão, queda de raio, queda de objeto sobre o veículo, danos causados por terceiros e outros.

As coberturas mais simples em um seguro de casco podem variam por seguradora.

Coberturas adicionais

Cada seguradora pode ofertar coberturas únicas, e elas oferecem uma proteção extra.

Algumas das coberturas adicionais protegem os vidros do carro, seu kit gás, acessórios (como som automotivo e faróis de neblina), blindagem, carro reserva em caso de sinistro e outros.

Um ponto de atenção na hora de contratar as coberturas do seguro é pensar que as proteções adicionais não  são contempladas, a menos que você as contrate.

Elas, e todos os outros problemas não coberto, sempre aparecem na apólice como risco excluído.

Por isso, leia todo o acordo do seguro e verifique quais coberturas aparecem como risco excluído. Assim, se desejar, você poderá contratar proteções específicas para o veículo.

Existe franquia para cobertura do casco?

Sempre que uma perda parcial acontece, o consumidor precisa pagar a sua franquia. A perda parcial ocorre quando o carro precisa passar por reparos em uma oficina.

Para serem classificados como parciais, os reparos precisam ter custo menor do que 75% do valor de mercado do veículo.

A franquia é um valor que o usuário paga diretamente à oficina, para que o reparo do seu auto seja feito. O valor tem como objetivo garantir que seguradora e usuário “dividam” os custos do sinistro.

Deste modo, a seguradora busca incentivar maior prudência do motorista.

Afinal, sabendo que vai ter que pagar parte dos valores do conserto, o condutor terá maior cuidado com o veículo.

O valor da franquia pode ser fixo ou percentual, mas é sempre especificado na apólice.

No momento da adesão do seguro de casco, é possível alterá-la, deixando esse valor mais ou menos elevado.

Os custos da franquia influenciam diretamente no preço do seguro: quanto maior a franquia, menor o valor pago pela proteção.

Porém, em caso de sinistro, o consumidor com franquia mais cara paga a maior parte dos reparos.

Qual o valor máximo de indenização?

O valor máximo de indenização do seguro de casco depende do acordo feito com a seguradora.

O mais comum, porém, é que as indenizações levem em conta o valor integral do veículo, com base na tabela FIPE. Isso, claro, no caso da indenização integral.

A indenização integral é paga quando o veículo sofre danos maiores do que 75% do seu valor de mercado.

Também é quitada pela seguradora quando o carro é roubado ou furtado, e não recuperado pela polícia.

Em todo o caso, o valor da indenização pode sofrer variações, pagando, por exemplo, 110% do valor da tabela FIPE.

É fundamental verificar o que ficou definido em contrato

Já os valores da indenização parcial dependem do quanto os reparos custarão. Ou seja, eles dependem do orçamento realizado pela oficina.

Em casos do seguro parcial, pode haver uma limitação máxima de valores indenizatórios, mesmo que o carro tenha um valor de mercado maior ou reparo com custo mais elevado.

É preciso passar por uma vistoria para ter um seguro de casco?

A obrigatoriedade ou não de uma vistoria depende da política adotada por cada seguradora.

Quando se trata do seguro parcial, aquele que só cobre sinistros como os casos de roubo ou furto, a vistoria costuma ser isenta.

Porém, em situações de coberturas básicas, mais completas, e coberturas adicionais, a vistoria costuma ser realizada. Nestes cenários, o só seguro só é liberado após o laudo da vistoria.

Entretanto, isso só costuma ocorrer na aquisição do seguro. Para a renovação da apólice, a vistoria normalmente é desnecessária.

Por quanto tempo o seguro de casco é válido?

O mais usual é que a contratação de um seguro de casco tenha validade por um período de 12 meses. Ele pode ser renovado sempre que necessário.

Na hora de renovar o seu seguro, o usuário costuma contar com descontos graças a sua classe de bônus.

Uma classe de bônus é obtida pelo segurado sempre que, durante um ano de contrato, ele não aciona nenhum sinistro.

Cada classe garante um percentual de desconto, que também varia por seguradora.

Existem também casos em que a contratação é feita por 24 meses. A principal vantagem da opção são os descontos oferecidos pelo tempo maior de contrato.

Além destes, há seguros por períodos reduzidos ou ampliados. Entretanto, essa é uma política que varia por seguradora, e elas possuem liberdade para flexibilizar esses prazos.

Agora você já sabe um pouco mais sobre como funciona o seguro de casco e qual a sua função.

Aproveite para fazer a cotação do seu seguro de casco, escolher as suas coberturas e proteger o seu carro!

Leia mais artigos sobre:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *