dcsimg

Se eu vender o carro, posso transferir o seguro?

Se você, por algum motivo, decidiu vender o seu carro e está na dúvida se é possível transferir o seguro, saiba que existem algumas regras para isso.

A transferência é possível, mas não é bem como a maioria das pessoas pensam, isso porque o seguro quando é feito leva em consideração, entre outras coisas, o perfil dos motoristas. Então, o seguro pertence ao motorista e não ao carro.

Por isso, quando o veículo é vendido, a pessoa que adquire teoricamente não poderia continuar com o seguro, mas algumas seguradoras permitem que seja feita a transferência, mantendo alguns benefícios.

As regras dos benefícios que continuam válidas, podem variar de uma empresa para outra, por isso, é muito importante consultar a sua seguradora e se informar.

Entretanto, o novo proprietário pode optar por manter o seguro atual, com as mesmas coberturas e com nova avaliação dos riscos. Nesse caso, é preciso fazer uma Transferência de Direitos e Obrigações (TDO), normalmente, as seguradoras possuem um modelo desse documento.

Quando vou transferir o seguro do carro o bônus também passa para outra pessoa?

Outra questão que levanta muitas dúvidas é sobre a transferência de pontuação, aquela que os segurados adquirem ao longo do tempo por possuírem um bom histórico de direção.

Esse é um caso um pouco mais complexo, isso porque cada seguradora possui um regra e nem todas permitem que haja essa transferência. No geral, quando é permitida, apenas para pessoas que possuem algum tipo de ligação.

No caso de pessoas físicas, é solicitado um grau de parentesco, como entre pais e filhos e esposa e esposa. É preciso que sejam apresentados documentos que comprovem que há essa ligação.

A pessoa jurídica também podem ser beneficiar com os bônus, porém, é preciso que a empresa esteja transferindo o veículo para um diretor, sócio ou pessoa de alto poder executivo. A comprovação também deve ser feita por meio de documentos.

Além de documentos comprobatórios do vínculo, pode ser solicitado que seja preenchida uma Declaração de Transferência de Bônus, fornecida pela seguradora.

Outro ponto importante é que se a pessoa já utilizava um tipo de seguro, não precisa fazer a transferência do novo veículo que adquiriu. Ele pode continuar com o que já possuía e utilizar a pontuação que ela mesma adquiriu ao longo dos anos.

Como transferir o seguro?

Para que a transferência do seguro possa ser realizada, o ideal é que o veículo esteja no nome do novo proprietário, sendo indicado ser realizada a transferência do veículo.

A transferência deve ser solicitada diretamente a seguradora, informando todas as condições e para quem será passado o seguro. Nesse momento, é possível saber se sua seguradora realiza esse tipo de procedimento.

Faça a cotação do seu seguro auto online!
Qual é a marca do seu carro?

Em caso positivo para que possa transferir o seguro, será necessário enviar alguns documentos para a empresa que oferece a proteção ao veículo e assinar alguns documentos. A assinatura deve ser feita pelo antigo e novo proprietário.

Depois disso é só aguardar o prazo fornecido pela seguradora e o novo proprietário poderá contar com o seguro auto.

Leia mais artigos sobre:

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário