Seta Balao

COTE AQUI SEU SEGURO AUTO RAPIDINHO!

Qual é a marca do seu carro?

Ter um seguro de carro é mesmo indispensável?

Ter um seguro de carro gera dúvidas se ele realmente pode ajudar e até que ponto compensa. Mesmo tendo um custo, pode trazer vantagens financeiras. Entenda melhor essa situação.

No Brasil, o seguro de carro é opcional e o único seguro obrigatório para quem possui um veículo é o DPVAT, só que ele não protege o veículo em si.

Em alguns outros países, ter um seguro auto é obrigatório, pois, entende-se que a pessoa que causou um acidente ou prejuízos a outros deva se responsabilizar por eles.

Mesmo sabendo dessas informações, muita gente ainda acaba dispensando um seguro veículo por achar que vai pagar por algo que nunca precisará usar.

Há ainda quem ache que o seguro é apenas uma forma das seguradoras ganharem dinheiro e que ele não traz nenhum benefício. Quando acontece uma batida ou o veículo é roubado, esse pensamento pode mudar bastante.

Na verdade, o seguro serve como um lembrete de que previstos podem acontecer e se algum ocorrer terá a quem recorrer.

Apenas no 2º trimestre do ano foram 1.178 ocorrências de carros roubados e furtados no país. O número de acidentes também preocupa, principalmente se analisarmos que todos os anos cerca de 47 mil pessoas morrem vítimas de acidentes de trânsito.

Ter um seguro de carro é mesmo indispensável?

Motivos para o seguro de carro ser indispensável

Se já conhecia esses números e mesmo assim achava que o seguro de carro não era necessário, existem outros fatores que podem te fazer mudar de ideia e entender a sua real importância.

Seu carro pode ser danificado e a pessoa não querer pagar

Por mais que você seja prudente ao dirigir, não significa que os demais ao seu redor tomam os mesmos cuidados e assim poderá acabar envolvido em um acidente.

A pessoa responsável pelo acidente pode se prontificar a pagar os estragos, mas, nem sempre isso irá acontecer. Sem falar que é comum que o responsável saia do local sem se identificar e você fique com todo o prejuízo.

Se tiver um seguro auto, esses custos poderão ser cobertos pelo seguro e o seu prejuízo será bem menor do que se precisasse pagar o custo total do reparo.

Você pode causar danos

Em um momento de distração ou pequeno descuido pode provocar um acidente e danificar outros carros.

Imagine ter de pagar o conserto do seu veículo e de outra pessoa. A situação pode ficar ainda mais grave se o carro do outro for um modelo caro e que tem um alto custo, imagine o quanto o seu bolso seria afetado.

O seguro de carro possui a cobertura de danos contra terceiro exatamente para esses casos em que se provocam prejuízos de forma não intencional. Há um limite que pode ser utilizado para indenizar a pessoa lesada sem que você precise arcar com tudo por conta própria.

Ele também pode cobrir despesas médicas e danos morais que seriam custas adicionais.

Uma situação dessas já pode compensar todo o valor que foi pago em todo o seguro.

Roubos e furtos acontecem

Imagine o seu carro ser levado por bandidos e você não ter um seguro. Se ele for recuperado pode chegar todo danificado, mas, se ele não for encontrado lá seu foi seu bem.

Para repor o carro seria preciso comprar um novo, pagando o valor total dele e se ainda houver, as parcelas do seu veículo que foi levado.

Na grande maioria das vezes isso se torna algo inviável e muito caro e você fica apenas se lamentando se ter como repor o seu bem.

O seguro auto disponibiliza uma indenização para que possa comprar um novo veículo e assim não precisar buscar outras maneiras de transporte e nem ficar com um prejuízo.

Você pode ser pego de surpresa

Por mais que cuide da manutenção do seu carro ele pode ter algum problema elétrico, mecânico, o pneu furar ou ficar sem gasolina.

Nem sempre há alguém para entrar em contato e pedir socorro para não ficar parado no meio do caminho.

Com o seguro de carro é possível contar com os serviços de assistência 24 horas que prestarão socorre nesses e em outras situações e darão andamento para que o problema seja resolvido.

Seguro não é coisa de rico

Ao contrário do que se pensa, quem mais precisa de um seguro é quem não tem dinheiro sobrando.

Quando se contrata um seguro de carro pode-se escolher pagar ele de forma parcelada com valores que cabem no orçamento. Assim se acontecer alguma coisa terá que desembolsar um valor pequeno.

Já quem é rico, não precisa se preocupar com seguro, pois, sabe que se acontecer alguma coisa terá o valor à vista para pagar os prejuízos.

O seguro é coisa de quem sabe que os riscos podem acontecer e não que ter um desfalque no bolso.

Ter um seguro de carro é indispensável para as pessoas que gostam de se prevenir, não querer ser surpreendidas com despesas extras e nem ficar a pé. Por isso, se está nessa situação aproveite e faça agora a cotação do seu seguro auto.

Leia mais artigos sobre:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *