Seta Balao

Cote o preço do seu seguro da sua moto

Qual é a marca da sua moto?

Cote seu Seguro

Saiba tudo sobre o seguro para moto contra roubo e furto

Uma das modalidades de seguro que constantemente gera dúvidas, mas as pessoas não costumam falar muito a respeito é o seguro para motos, especialmente aquele contra roubos e furtos. Neste artigo você saberá mais sobre o assunto, acompanhe.

Muitas pessoas optam por se locomover, especialmente em grandes cidades, utilizando motos.

Esses veículos além de serem menores e muito mais ágeis no trânsito, também são muito mais econômicos em relação a combustível e manutenção, quando comparados a carros.

No entanto, os motociclistas apesar de economizarem tempo e dinheiro, estão consequentemente mais suscetíveis a acidentes de trânsito e problemas como roubos e furto.

Por isso, contar com um seguro para moto é tão importante.

O problema é que muita gente acaba deixando de contratar esse serviço, por causa do valor que, em muitos casos pode ser bem alto.

O que a maioria das pessoas não sabe é que existe uma modalidade de seguro para moto contra roubo e furto que é muito mais em conta que as coberturas mais completas.

E, neste artigo abordaremos esse assunto.

Saiba tudo sobre o seguro para moto contra roubo e furto

Imagem: Getty Images

Como funciona o seguro de moto contra roubo e furto?

Os seguros de moto funcionam basicamente como os veiculares.

Além de ser possível contratar diversos tipos de coberturas diferentes, ele ainda conta com questões iguais como: bônus de seguro, franquia e tudo mais.

Mas optar por muitas coberturas pode acabar deixando a contratação desse serviço muito cara.

Por sorte, existe o seguro para moto contra roubo e furto, para quem tem uma motocicleta e não tem a possibilidade de pagar caro na proteção do veículo.

Uma saída muito eficiente para quem não pode investir muito em uma proteção e utiliza a moto com frequência e, constantemente a deixa estacionada na rua e não quer correr o risco de ficar sem seu veículo.

É importante deixar claro que esse tipo de seguro além de ser mais barato, cobre apenas essas situações.

Logo, casos como colisões, danos por sinistros naturais e a terceiros não são segurados, mas, em alguns casos, ele acaba oferecendo benefícios como a assistência 24h.

Em algumas seguradoras essa proteção é conhecida como cobertura simplificada.

E, além de ter um preço mais acessível, também costuma ter uma abrangência maior, uma vez que aceita diferentes tipos de motocicletas em modelos e situações distintas.

Outro detalhe importante de ser mencionado é que nos casos onde o veículo é roubado ou furtado e recuperado, a seguradora realiza uma avaliação das avarias.

Caso essa constate que o veículo teve uma perda de 75% do valor da moto, o segurado terá direito a uma indenização por perda total.

Mas se essa avaliação constatar que as perdas são menores que essa margem citada, o motociclista não terá direito a solicitar os reparos na moto.

Tendo que arcar com o conserto de maneira particular.

Quanto custa um seguro de moto contra roubo e furto?

Invariavelmente, o valor desse tipo de cobertura é mais em conta que uma cobertura completa.

No entanto, o valor final sempre dependerá de fatores como, perfil do condutor, trajeto onde ele circula.

Ou seja, mesmo o seguro não cobrindo casos de colisão ou sinistros naturais, ele terá um valor calculado com base em informações como hábitos de uso do veículo, se ele fica em estacionamentos fechados ou na rua e mais uma série de fatores.

Por isso, a melhor maneira de saber quanto custa um seguro para moto contra roubo e furto é realizando cotações de acordo com o seu perfil.

E, neste caso, vale a pena lembrar que quanto mais cotações você fizer, maiores serão suas chances de contratar um bom serviço por um preço justo.

Como conseguir um seguro de moto barato?

O primeiro passo para conseguir um seguro de moto barato é realizar o maior número possível de simulações, de preferência com a ajuda de um corretor especializado, isso tornará essa busca muito mais simples e rápida.

Ter um bom histórico como condutor, ou seja, não possuir multas nem acidentes de trânsito também ajuda muito a conseguir um seguro de moto barato.

Assim como o tempo de habilitação, quanto maior ele for, maiores serão suas chances de pagar menos no seguro.

Contar com equipamentos de segurança também ajuda a tornar o valor do seguro para moto contra roubo e furto mais barato.

Algumas opções são alarmes, rastreadores e bloqueadores veiculares.

Para quem o seguro para moto contra roubo e furto é indicado?

Qualquer pessoa que possua uma moto com 90 cilindradas ou mais pode e deve contratar pelo menos um seguro de moto contra roubo e furto.

Independentemente desse veículo ser usado para atividade profissional, todos os dias ou apenas nos finais de semana.

Para as motos de maior cilindradas esse serviço se torna ainda mais importante, praticamente indispensável, uma vez que o número de roubos e furtos dessas motocicletas no país vem aumentando cada vez mais.

Geralmente as motos de cilindradas mais altas, acima de 500, são muito bonitas, robustas e caras.

Por isso, os bandidos estão sempre mais atentos para esses modelos.

Agora que você conhece um pouco mais sobre o seguro para moto contra roubo e furto, será mais fácil decidir por contratar esse serviço.

Lembre-se que quanto mais simulações você fizer, maiores serão as chances de encontrar um preço acessível para o seu orçamento.

Além disso, você pode realizar essa pesquisa e a contratação desse serviço sozinho, mas o mais indicado é que você conte com a ajuda de um corretor de seguros especializado.

Fazendo isso, você poderá poupar muito tempo, dinheiro e aborrecimento.

Leia mais artigos sobre:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *