dcsimg

Se estiver bêbado e bater o carro, o seguro paga?

Se beber, não dirija. Essa é uma frase que todo mundo já ouviu, mas mesmo assim muitos motoristas comentem essa imprudência.

A questão é que acham que se ocorrer algum acidente nessa situação o seguro irá pagar, mas não é isso que ocorre.

A apólice do seguro determina direitos e obrigações tanto do segurado como da seguradora e um deles está relacionado aos riscos assumidos.

No caso do motorista embriagado bater o seguro dele não irá cobrir os prejuízos. Mesmo que o seguro seja acionado, se for constatada embriagues a indenização será negada.

Isso ocorre tanto para o reparo do segurado como para os demais envolvidos no acidente por ele provocado. Se um terceiro for afetado, a segurado também não pagará por esses danos.

Isso ocorre porque se entende que o condutor assumiu um risco ao dirigir sobre o efeito do álcool e que descumpriu a lei.

Entretanto, não ache que a seguradora é que fará a constatação de se realmente há sinal de o motorista estava sob efeito de entorpecentes ou álcool.

Ela se baseia na constatação feita pelos agentes de trânsito ou autoridades competentes, e que constam nos registros.

Nesse caso não adianta recorrer à justiça, pois a seguradora estará amparada legalmente, uma vez que hoje descumprimento da legislação de trânsito.

Os terceiros que foram prejudicados com a colisão precisam cobrar esses valores de forma particular ou em casos mais graves recorrer à justiça.

Já, se o terceiro possui um seguro auto, esse sim pode recorrer a sua seguradora uma vez que ele não foi quem causou o acidente.

A lei seca

A chamada Lei Seca, sancionada em 2012 é a Lei nº 12.760. Ela veio em substituição a uma legislação anterior que permitia que o motorista ingerisse até uma determinada quantidade de álcool antes de dirigir.

A nova lei considera crime o motorista que tenha qualquer quantidade de álcool não se sangue.

Essa observação pode ser feita por meio do teste de etilômetro (bafômetro), exames de sangue ou por constatação de autoridades, como os agentes de trânsito. Essa última é notada por conta da dificuldade motora e de fala.

Faça a cotação do seu seguro auto online!
Qual é a marca do seu carro?

A punição para quem for pego dirigindo alcoolizado é o pagamento de multa além de uma infração gravíssima, levando a pontuação na carteira.

Além disso, pode levar a detenção de 6 meses a 3 anos e a suspensão da habilitação.

Leia mais artigos sobre:

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário