Seta Balao

Simule o preço do seu Seguro Auto

Qual é a marca do seu carro?

Entenda tudo sobre a vistoria do seguro auto

A vistoria do seguro auto é um procedimento obrigatório pelo qual a maioria dos veículos precisa passar quando se contrata um seguro. No entanto, nem todo mundo entende bem qual é a sua necessidade, como ela funciona e porque ela é obrigatória. Se este é o seu caso, acompanhe este artigo.

Sempre que uma pessoa decide contratar um seguro auto, um dos procedimentos necessários é a vistoria do seguro.

Ela serve para a empresa analise as condições do veículo e decida se aceitará protegê-lo ou não.

No entanto, a maioria das pessoas que estão em negociação com seguradoras não entendem muito bem como a vistoria do seguro auto funciona, como e quando ela deve acontecer e qual a sua real necessidade.

Por isso, preparamos um artigo para falar exclusivamente sobre esse assunto e explicar cada detalhes com mais atenção. Afinal, dúvidas sobre o mundo do seguro auto são muito comuns.

Entenda tudo sobre a vistoria do seguro auto

Fonte: Pixabay

O que é a vistoria do seguro auto?

A vistoria do seguro auto é uma análise técnica que a seguradora faz com o carro que pretende contratar o seguro.

Ela serve para verificar as reais condições do veículo antes de disponibilizar o serviço de proteção.

Ela consiste em uma análise detalhada de todos os equipamentos e peças, tanto das partes mecânicas e elétricas, como da carroceria, vidros, faróis, lanternas e mais.

A vistoria visa identificar possíveis danos causados antes da contratação do seguro.

Ela sempre é realiza antes da contratação do seguro e é comum que o profissional responsável por ela, tire fotos para arquivar comprovações de possíveis problemas já existentes no veículo.

Quais são os tipos de vistoria que existem?

Existem basicamente três tipos de vistorias que são realizadas pelas seguradoras, e cada uma tem um objetivo diferente.

Conheça melhor cada uma delas a seguir:

  1. Vistoria prévia: A vistoria prévia é utilizada quando ocorre a contratação do seguro, ela avalia itens básicos do veículo, a existência de equipamentos e acessórios, itens opcionais, dispositivos de segurança e sua condição de modo geral.
  2. Vistoria de risco: A vistoria de risco é utilizada quando o carro possui um risco maior, por exemplo, já sofreu alguma avaria Ela é um pouco mais demorada e analisará todo o histórico do veículo.
  3. Inspeção veicular: A inspeção é necessária apenas em alguns casos, principalmente quando o veículo conta com equipamentos como o kit gás veicular.

O que é avaliado durante esse processo?

Quando a vistoria do seguro auto é feita ela avalia diferentes itens, essa avaliação pode variar conforme o tipo de vistoria ou contratação e/ou serviço que está sendo oferecido pela seguradora.

Mas de modo geral, alguns procedimentos são sempre os mesmos. Veja quais são eles:

  1. Análise do histórico do carro: o histórico do veículo é considerado para saber se ele é proveniente de algum leilão, já sofreu grave colisão, ou se alguma informação sobre ele foi omitida durante a cotação do seguro, entre outros;
  2. Avarias existentes no veículo: avarias como pequenos arranhões, estofados mal conservados e outros, são avaliadas. Se houver algum dano estrutural no carro existe um grande risco de o carro não ser aprovado na vistoria;
  3. Análise do modelo do carro: o modelo do veículo é outro item verificado na vistoria obrigatória do seguro auto. Esse item é analisado para que a seguradora tenha certeza do modelo que está contratando. Normalmente ela é feita apenas com a verificação do número do chassi;
  4. Documentação do veículo: não basta apenas apresentar a documentação é necessário que seja analisado se o número do chassi e outros itens conferem;
  5. Modificações no carro: as modificações também precisam ser analisadas, como os veículos rebaixados, alterações no motor, escapamentos, blindagem e parte toda a parte estrutural ou mecânica do veículo

Quem fará a vistoria do seguro auto?

Ela costuma ser realizada por técnicos que possuem a capacidade de avaliar e identificar danos no veículo.

Esses profissionais são vinculados a seguradora e não costuma ser cobrado nenhum valor do segurado.

Onde é feita a vistoria?

Isso dependerá de cada seguradora e dos procedimentos por ela adotados, mas existem dois procedimentos mais comuns.

  1. Levar o veículo a um posto credenciado: um deles é que o segurado leve o veículo até um dos postos autorizados indicado pela seguradora;
  2. Agendar uma visita com um técnico: outra possibilidade é que um técnico vá até à casa do cliente fazer a vistoria obrigatória do seguro auto, isso costuma ser feito com data e hora agendados.

O que é a revisão da vistoria?

Quando se contrata um seguro veicular, pode ser que existam pequenos danos no veículo como arranhões na lataria ou pequenos amassados.

Esses deverão estar devidamente apontados no relatório. Pois, danos pré-existente não são cobertos pelo seguro em caso de sinistro.

Contudo, se o segurado fizer o reparo pode solicitar a seguradora que seja feita a revisão da vistoria, dessa forma os danos que antes constavam no histórico do veículo podem ser retirados e essas partes do carro protegidas.

Logo, a revisão da vistoria é uma segunda vistoria, geralmente solicitada pelo cliente, para que a empresa possa se certificar que um ou mais problemas que existiam no veículo, foram resolvidos.

Se meu carro sofrer uma perda total os danos que estavam registrados na vistoria não serão indenizados?

Nesse caso a situação é diferente, se ocorrer perda total a seguradora pagará a indenização no valor integral, de acordo com a Tabela FIPE, ou como estipulado na apólice, sem descontar esses valores.

Apenas em caso de dado parcial é que poderá ser descontado os reparos referentes aos danos pré-existentes.

Existe alguma situação em que não é necessário passar pela vistoria do seguro auto?

Sim, normalmente quando o carro é zero km ou quando há renovação do seguro dentro do prazo estipulado pela apólice, normalmente as seguradoras isentam essa etapa.

Porém, essa não é uma regra, podendo a vistoria ser solicitada até mesmo nesses casos.

Portanto, se você está prestes a realizar a renovação do seu seguro, ou simplesmente acabou de comprar um carro novo, com quilometragem zero, solicite informações mais precisas junto a seguradora escolhida.

Troquei de carro e fiz o endosso do seguro. Preciso fazer nova vistoria?

Depende. Se a troca foi feita por um veículo zero km o carro fica isento, entretanto, se for um carro usado será preciso realizar a vistoria do seguro auto.

Meu seguro foi cancelado por falta de pagamento. Após regularizar a situação solicitei novamente o seguro. Como fica a vistoria do seguro auto?

Como ocorreu o cancelamento por inadimplência será necessário passar por outra vistoria obrigatória do seguro auto para que ele seja novamente efetuado.

E se o carro não for aprovado durante a vistoria?

Se for identificada alguma irregularidade ou dano grave ao veículo ele não será aprovado na vistoria.

Quando isso acontece a seguradora se recusa a disponibilizar o seguro informando o motivo dessa decisão.

O cliente pode tentar fazer o seguro em uma nova seguradora ou realizar os reparos que foram indicados na vistoria, entretanto, isso não é uma garantia de que ele será aprovado posteriormente.

Agora que já sabe como é feita a vistoria do seguro auto pode proteger o seu carro e entender a importância dessa etapa.

Leia mais artigos sobre:
Jeniffer Elaina da Silva

Especialista em seguros, Jeniffer Elaina trabalha com redação, revisão e otimização SEO desde 2012. É formada em Marketing com pós em Administração na FGV e atualmente cursa Gestão de Seguros. Possui mais de 2.000 textos e 5 e-books publicados na área de seguros.

1 comentário

  • Raphael De Andrade Bastos says:

    Olá,

    No período da vistoria, o carro está assegurado?

    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *