Seta Balao

COTE AQUI SEU SEGURO AUTO RAPIDINHO!

Qual é a marca do seu carro?

Dicas para renovar o seguro do carro

Precisa renovar o seguro do carro? Quem tem seguro auto sabe que essa é uma proteção necessária para garantir mais tranquilidade em relação ao veículo, e também para minimizar os prejuízos financeiros em caso de sinistro. Porém, ninguém quer pagar muito por isso. Assim, as pessoas sempre acabam buscando alternativas para economizar.

Confira três dicas infalíveis para pagar menos na hora de renovar o seguro do carro e garantir mais proteção, para você e seu veículo.

Dicas para renovar o seguro do carro

Como renovar o seguro do carro

Ter um carro ou moto torna quase que indispensável contar com um seguro automotivo.

Afinal, os riscos envolvidos são muitos, e o seguro auto pode trazer mais tranquilidade.

Em casos de furto, roubo ou acidentes, por exemplo, o seguro de carro pode arcar com parte, ou com o valor total do veículo.

Dessa forma, perdas financeiras são evitadas para o proprietário.

Por isso, quem tem um seguro auto não deve vê-lo como um custo a mais, mas sim como um investimento.

Isso porque, em caso de algum incidente, o valor do veículo será reparado.

Deste modo, as perdas serão minimizadas.

De qualquer forma, as opções de seguro são muitas.

Tanto em relação às de seguradoras, quanto considerando os planos de pagamento e cobertura.

Caso o usuário não tenha cuidado e atenção na hora de escolher a melhor opção, poderá fazer um mau negócio.

Inclusive ao renovar o seguro do carro.

Para te auxiliar, listamos algumas dicas  para obter o melhor custo-benefício na hora de renovar o seguro do carro.  Acompanhe!

Conheça as 5 seguradoras mais confiáveis antes de ver se optará pela sua atual :)

1 – Não deixe para última hora

Quem deixa para renovar o seguro do carro próximo ao vencimento sempre acaba fazendo tudo correndo, e nem sempre consegue as melhores vantagens.

O ideal é pesquisar pelos planos com antecedência, pois assim pode-se pesquisar preços e coberturas distintas.

Vale lembrar que você não é obrigado a fazer o seguro com a atual seguradora.

Dessa forma, verifique também o que as outras empresas têm a oferecer.

Para quem não tem muita prática, vale muito a pena consultar um corretor.

O especialista poderá apresentar as melhores propostas ao usuário, buscando um valor justo e a cobertura mais benéfica.

Mas pesquise! Quanto antes você começar, melhor.

2 – Dedique-se à pesquisa!

Como citado, é fundamental pesquisar antes da contratação ou renovação de um seguro.

São muitas as seguradoras disponíveis no mercado, e é comum achar diferenças significativas de valores entre elas.

Por isso, é aconselhável fazer várias cotações.

Com uma lista das seguradoras mais baratas em mãos, você poderá  comparar mais facilmente as propostas.

É importante, de qualquer forma, não comparar apenas os valores dos planos.

Considere também as coberturas oferecidas por elas.

Por vezes, um plano um pouco mais caro pode ser bem mais vantajoso no final das contas.

Uma lista de propostas também permite melhor negociação com as empresas.

Muitas delas cobrem as ofertas das concorrentes, mas você precisará contar com propostas detalhadas de cada uma.

3 – Negocie os valores

Não aceite de primeira os valores apresentados pela seguradora.

Isso porque, muitas vezes um pouco de barganha consegue reduzir os valores.

Uma das formas de conseguir um desconto é aumentando a sua responsabilidade em relação ao valor da franquia.

Nessa situação, caso ocorra algum sinistro ao veículo, a sua franquia terá um valor maior.

Ou seja, você arcará com uma parte considerável do prejuízo.

Em contrapartida, os valores das parcelas do seguro se tornam menores.

Se nada acontecer ao veículo, melhor ainda, pois seu investimento terá valido ainda mais a pena.

4 – Use seu bônus

Muita gente não sabe, mas o tempo de contratação de um seguro, sem o registro de nenhum sinistro, gera bônus com a seguradora.

Esse bônus pode ser utilizado para conseguir desconto no valor final do seguro.

Muitas vezes, porém, as empresas não abordam essa possibilidade — então, pergunte!

Em caso de transferência de seguradora, o consumidor também pode aproveitar desses bônus.

Será preciso, apenas, um pouco mais de negociação.

5 – Informe a seguradora sobre mudanças no veículo

Muitas vezes, na hora de renovar o seguro na mesma empresa, uma nova vistoria não é realizada no veículo.

O problema ocorre, porém, quando o carro passa por alguma modificação, como troca dos faróis, rebaixamento, entre tantas outras.

Isso porque, quando a seguradora não está ciente dessas mudanças e um sinistro ocorre, ela pode se recusar a pagar a indenização.

A alegação comum é que o cliente agiu de má fé.

Para evitar esse problema, então, sempre comunique à seguradora sobre as mudanças.

6 – Invista em recursos para a segurança do veículo

Outros itens de segurança e hábitos também podem reduzir o valor do seguro.

Por exemplo: um carro que fica estacionado em uma garagem particular, durante todo o dia, pode ter um seguro com custo até 15% menor do que um veículo que permanece parado em via pública.

Carros com rastreadores e alarmes também costumam levar vantagem no quesito economia.

Afinal, equipamentos desse tipo facilitam a recuperação do veículo no caso de roubos e furtos.

Assim, a seguradora não tem que arcar com a reposição do carro, mas apenas com a correção dos defeitos ocorridos

Além disso, se você gosta de trocar de carro sempre, não precisa se prender a um contrato de 12 meses.

Hoje, já é possível contar com o seguro de carro temporário.

Com ele, o seu veículo fica protegido pelo tempo em que o carro for seu, e você não paga nem um dia a mais do que este intervalo.

Em todo o caso, não abra mão de coberturas que você acredita serem necessárias em seu contrato.

Muito menos se o objetivo for apenas economizar.

Afinal, como diz o conhecimento popular, esse pode ser um  “barato que sai caro”.

Uma cobertura para seguro auto guincho, por exemplo, vai custar muito menos do que ter que pagar pelo serviço de forma particular.

7 – Avalie a seguradora

Você pode ou não renovar o seguro do carro com a seguradora que já está acostumado.

De qualquer modo, no entanto, é fundamental verificar as credenciais da empresa e a qualidade do seu atendimento.

Para começar, uma seguradora só pode atuar se tiver a autorização da Susep (Superintendência de Seguros Privados).

Por isso, é importante acessar o site da Superintendência e pesquisar sobre a empresa com a qual você tem negociado.

Caso ela não apareça na lista da instituição, não é das mais confiáveis para proteger o seu carro.

Também é importante avaliar a facilidade de contato com a seguradora.

Assim como a facilidade em obter auxílio e o pagamento dos valores, em caso de sinistro.

Caso você já tenha um contrato com a companhia, relembre como foi atendido nos últimos meses.

Quando um sinistro ocorreu, você teve auxílio fácil?

O seu corretor estava a postos, ou foi necessário insistir no contato?

Vale, da mesma forma, verificar a opinião de outros consumidores sobre a empresa.

Pesquise sobre a companhia na internet, e leia os comentários sobre cada uma em suas páginas nas redes sociais.

Muitos consumidores manifestam sua satisfação, ou insatisfação, em sites como o Facebook e o Twitter.

8 – Leia o contrato

Uma dica final é ter conhecimento cuidadoso do contrato de renovação do seguro.

Quais as regras para a obtenção da cobertura?

Quais os valores das parcelas e da franquia?

Quais as formas de pagamento, as normas para não-cobertura e outros?

Todos os dados devem estar explícitos no acordo, e ambas as partes devem concordar com as condições.

Na dúvida sobre qualquer aspecto, questione o assunto ao corretor.

A assinatura do documento só deve ocorrer após o devido esclarecimento de todas as condições do acordo.

Por isso, inclusive, não tenha vergonha em perguntar!

Como renovar o seguro do carro

Você pode contar com ajuda do SeguroAuto.org na hora de renovar o seguro do carro, pois pode pesquisar os valores de diversas seguradoras no portal.

Então, terá maior facilidade em negociar com a sua seguradora atual e em fechar o melhor negócio, para o seu carro e bolso

Todo o processo é rápido e simples.

Para fazer a sua consulta, basta que você indique as coberturas desejadas.

Em seguida, um corretor especializado em seguros te ajudará a comparar os planos, mostrando  aquele que tem melhor custo-benefício aos seus objetivos.

Leia mais artigos sobre:

Comentários estão fechados.