Seta Balao

COTE AQUI SEU SEGURO AUTO RAPIDINHO!

Qual é a marca do seu carro?

Financiamento de carro: como funciona e quando fazer um

Você quer comprar um veículo, mas não sabe bem como funciona um financiamento de carro? Esclareça suas dúvidas no texto e compre já o seu carro novo.

Proteger seu carro é muito importante, e um dos principais modos de fazer isso é contratar um seguro auto. Com a opção, o usuário fica protegido de situações como colisões e roubos, e tem seu prejuízo reduzido.

Mas, e quando você ainda não tem um veículo e está em dúvida sobre como pode comprá-lo? A solução pode ser o financiamento de carro!

Quer saber o que compensa mais comprar entre um carro usado ou novo? Eu te ajudo, ;)

Ter um carro novo, ou mesmo seminovo, é o sonho de muita gente. Porém, são poucas as pessoas que possuem o dinheiro em mãos, para a compra a vista do automóvel.

É para casos como este que existe a opção de financiamento auto. Com ela, o usuário pode adquirir o seu carro e pagar por ele durante alguns anos.

Mas você sabe como considerar um financiamento de veículo? Conhece todos os custos associados, e como encontrar o melhor banco? Continue acompanhando o texto e tire suas dúvidas a respeito desta modalidade.Financiamento de carro: como funciona e quando fazer um

Como funciona um financiamento de carro?

O financiamento é uma modalidade de crédito que pode ser feita tanto por bancos públicos, quanto por instituições privadas.

Ele é realizado por meio de um CDC (Crédito Direto ao Consumidor), em que o banco paga pelo bem, e o usuário paga o empréstimo ao banco, em parcelas.

O CDC é a forma mais comum de contratação de financiamento. Além dele, há a opção de leasing, que é pouco comum.

Com o leasing, o banco compra o veículo e o aluga por um tempo ao consumidor, até que o usuário pague todas as prestações. Depois, o motorista pode escolher transferir ou não o automóvel para o seu nome.

Os valores ofertados para a compra de um carro giram em torno da renda de cada pessoa. De modo geral, apenas 30% da renda mensal do financiado deve ser comprometida para pagar a parcela do veículo.

Isso é feito para garantir que o comprador tenha condições para quitar a dívida do automóvel, mantendo seu orçamento sob controle.

Sempre que possui valores guardados, o consumidor pode escolher dar uma entrada para diminuir o valor a ser financiado.

Caso não haja recursos, também é fácil financiar o custo total. Tudo vai depender do valor aprovado pelo banco, de acordo com a sua renda.

As opções de parcelamento devem ser negociadas com o banco ou, se for o caso, com a concessionária do veículo.

Afinal, algumas dessas vendedoras possuem financiamentos próprios, que podem tornar a compra do auto mais prática.

Como escolher o melhor financiamento?

É importante dizer que, em um financiamento, o usuário não paga apenas o valor de mercado do veículo.

Somado a este custo, são acrescidos juros e outras taxas, que normalmente aumentam conforme o número de parcelas estabelecido. Quanto mais prestações acordadas, maiores as taxas.

A junção de todos os valores forma o CET da operação, ou seja, o seu Custo Efetivo Total. Na hora de considerar o parcelamento, é fundamental que o consumidor avalie todos estes valores.

Assim, ele terá a certeza de que seu orçamento não será prejudicado pelo empréstimo.

Ao mesmo tempo, essa avaliação vai permitir a escolha do financiamento mais barato. Não é porque uma opção tem juros menores que, necessariamente, ela terá CET menor.

Além de estar ciente das taxas, o financiado deve ler, atentamente, o contrato do empréstimo. Todas as regras sobre juros, atrasos no pagamento e multas aparecerão no documento.

Na dúvida, é importante questionar a financeira sobre as cláusulas, e só assinar o contrato após concordar com todas elas.

Você também pode fazer as simulações necessárias e verificar de quantas vezes compensa comprar o carro.

Lembre-se de colocar na ponta do lápis todas as suas despesas e ganhos, e depois avaliar as mudanças provocadas pela parcela do empréstimo.

Apenas assuma a dívida se você tiver a certeza de que o seu orçamento dará conta dos valores.

Do contrário, o acúmulo de prestações poderá provocar dores de cabeça e até levar seu nome para sistemas de proteção ao crédito, como o SPC e o Serasa.

Tipos de financiamentos para carros

Ao optar por comprar um carro, é preciso que você saiba que existem dois tipos de financiamentos de veículos, além da opção de consórcio, que funciona de forma um pouco diferente.

A seguir, explicamos um pouco mais sobre o consórcio, o CDC e o leasing. Acompanhe!

CDC (Crédito Direto ao Consumidor)

O financiamento por CDC é o tipo mais comum de crédito. Por meio dele, você compra o carro e pode deixá-lo em seu nome enquanto paga as parcelas.

Geralmente, este é um empréstimo feito junto a uma instituição financeira, e que o usuário poderá pagar mensalmente, de acordo com os valores acordados.

Em todo o caso, o carro fica alienado ao banco até que você quite todas as parcelas. Ou seja, caso as parcelas não sejam pagas, a instituição poderá tomar posse do bem.

Mas não se preocupe: isso só costuma acontecer em último caso, após tentativas de negociação pela empresa com o consumidor.

Ainda assim, é importante só assumir um empréstimo quando você tem bom controle do seu orçamento.

Vale lembrar que, no CDC, é comum que as parcelas se mantenham as mesmas durante todo o tempo de contrato.

Porém, outra regra pode aparecer no documento, e você deve conhecê-la para, se for o caso, se preparar para as mudanças das prestações.

Leasing

Em um financiamento deste tipo, o carro fica em nome da empresa de leasing e é alugado ao consumidor.

O veículo só passa para o nome da pessoa após o usuário terminar de pagar as parcelas. Ainda assim, o indivíduo pode nem transferir a posse para si, se desejar.

Essa alternativa é interessante, principalmente, para quem gosta de trocar de carro de tempos em tempos. Ainda assim, o financiamento não é de um tipo muito comum.

O contato pode ser feito diretamente com o banco que trabalha com esta modalidade. Da mesma forma que no CDC, é comum que as parcelas do leasing não sofram alterações de valor.

Consórcio

Um consórcio é mais semelhante a um empréstimo bancário, mas vale ser mencionado. Quando adere a um consórcio de veículos, o consumidor começa a pagar parcelas mensais, que vão para uma espécie de poupança.

Essa poupança é gerida por uma financeira, e recebe valores de vários clientes que desejam um veículo. Por mês, então, ao menos um usuário é sorteado.

Sorteado, o indivíduo recebe o valor total de que precisa para comprar o seu carro. Depois, ele deve continuar contribuindo para a “poupança”, até que seu contrato chegue ao fim.

A continuidade do pagamento das parcelas permite o reabastecimento do fundo comum, e o sorteio de outros clientes.

Uma desvantagem do consórcio é que o usuário precisa aguardar o seu sorteio para comprar seu auto. Algo bem diferente do leasing e do CDC, em que o indivíduo obtém o bem e depois paga por ele.

Vantagens de um financiamento auto

Agora que você entendeu como funciona e quais os tipos de financiamento de carro, é hora de saber quais as vantagens de contratar um parcelamento. Veja a seguir.

Não é preciso ter dinheiro em mãos

Como há opções de financiamento auto sem entrada, você não precisa ter nenhum dinheiro guardado  para financiar seu carro.

É só ter uma renda mensal fixa, da qual você possa comprometer certa parte. Com a avaliação dos valores e do bem desejado, basta assinar seu contrato.

Com uma entrada, o financiamento sai ainda mais em conta

Mesmo que não seja preciso ter dinheiro guardado, o usuário pode ser beneficiar se possuir algum montante. Caso você tenha uma pequena quantia, torna-se possível abater este valor do resto do financiamento.

Além de diminuir o valor total do parcelamento, o usuário obtém juros mais baixos e pode diminuir o prazo das parcelas, para que não fique pagando pelo bem por tanto tempo.

Você sai com o veículo na hora

Com um CDC ou leasing, é só assinar o contrato e sair dirigindo seu carro da concessionária, antes mesmo de receber o carnê de prestações na sua casa. É rápido e você já sai motorizado.

Você paga tudo parcelado

Basta saber se a sua renda não será comprometida e ir pagando as parcelas mensais, que normalmente não variam durante todo o tempo de financiamento. Assim, você pode se programar todo mês e sabe exatamente quanto vai gastar.

Você pode adiantar a parcela com desconto

Se você receber um valor extra no mês e quiser adiantar suas parcelas, é possível fazer isso e ainda receber um desconto por pagar antecipado.

Lembre-se de verificar essa possibilidade com o banco logo na assinatura do contrato. Assim, você saberá como aproveitá-la sempre que tiver a oportunidade.

Já leu o meu manual para comprar um carro? Veja como ele vai te ajudar, :)

Vale dizer que, mesmo com diversas vantagens, um financiamento pode se tornar um problema se não for bem planejado.

Você precisa estar ciente de que precisa pagar suas parcelas em dia. Faça uma negociação tranquila e evite acumular dívidas depois.

Como contratar o melhor financiamento automotivo?

Para contratar a melhor opção de financiamento de carro, é necessário fazer uma ampla pesquisa. Por meio dela, é possível conhecer as opções de taxas e parcelamentos de todas as financiadoras.

Isso evita que você pague juros abusivos, e garante economia considerável no valor total do seu veículo.

Tendo em mãos o modelo e valor do carro que você vai financiar, é possível procurar as informações em diversas empresas. Inclusive de modo online.

Quando for a um estacionamento de carro ou concessionária, não ache que você é obrigado a fazer o financiamento pela empresa sugerida pelo vendedor.

Você sempre pode contar com a opção de fazer um financiamento de carro particular em um banco com o qual já possua certo relacionamento, ou que tenha taxas menores, por exemplo.

Lembre-se, também, de ler atentamente a todo o contrato. Fique atento aos valores de juros e parcelas  e tire todas as dúvidas que tiver antes de assinar o acordo.

Assim, você terá maior certeza de quitar a dívida dentro do prazo, sem problemas ou incômodos.

Vai comprar o seu primeiro carro? Confira as minhas dicas e faça uma boa compra!

Pesquisando pelas melhores opções, você poderá garantir o menor preço no financiamento do carro. Para sair andando com o carro novo, invista ainda em um seguro auto. Assim, você ficará protegido contra sinistros.

32 Comentários

  • João Gonçalves dos Santos says:

    Boa tarde, eu gostaria de saber, se eu for comprar um carro no valor de 20.000 e eu der 6 mil de entrada, e quero financiar em 48 vezes, quanto de juros vou pagar? Será que vai ser aprovada minha compra?

    Obrigado

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde João,

      Obrigada por comentar no SeguroAuto,
      Para seu tipo de dúvida, entre em contato com uma financeira para que possam ajudar.

      Visite nosso site e faça sua cotação já! Preencha o formulário em nossa página clicando no link https://goo.gl/gc1bj1 e receba todas as informações necessárias para a concretização de sua proposta.

      Atenciosamente.

  • Anônimo says:

    Olá,

    Qual a porcentagem de entrada para a compra de um veículo?

    Obrigado

  • Aline Oliveira Rocha Vieira says:

    Boa noite,

    Eu fiz um financiamento de carro e o mesmo não foi aprovado pelo banco. Gostaria de saber depois de quantos dias eu posso enviar um novo financiamento para o mesmo banco?

    Obrigada

  • Max Kindermann says:

    Boa noite, se der uma entrada e financiar o resto, a concessionária recebe o valor total ou tem alguma taxa descontada?

    Obrigado

  • Luan Mármore Ribeiro says:

    Boa noite!

    Eu tenho uma renda de 2 mil por mês, conseguiria retirar um carro sem entrada no valor de 15 mil.

    Obrigado,
    Aguardo resposta.

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde Luan,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Nosso site se trata de cotações de seguro, por favor, entre em contato com um banco no setor de financiamento para que possam ajuda-lo.
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação ou renovação de seguro, preencha o formulário em nossa página para que um corretor entre em contato com você.

      Abraço

  • João Batsta da Silva says:

    Olá,

    Como faço para pagar um juros mais baixo no financiamento de um carro?

    Obrigado

  • André Luis says:

    Oi,

    Tô querendo comprar um carro no valor de 30 mil e não tenho como comprovar renda, como eu faço ?

    Obrigado

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde André,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, entre em nosso site e preencha o formulário para que um de nossos corretores entre em contato com você.

      Abraço

  • Maria do Socorro Soares da Silva says:

    Boa tarde,

    Sou autônoma, tenho um mercadinho e sou costureira. Tenho uma renda até boa, mas não tenho como comprova-la. Será que eu conseguiria fazer um financiamento? As duas rendas é em torno de uns 4.800.00.

    Obrigada, aguardo respostas.

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde Maria,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Aqui tratamos de seguro auto, caso você tenha interesse em fazer uma cotação, entre em nosso site e preencha o formulário para que um de nossos corretores entre em contato com você.

      Abraço

  • Nero Maycon says:

    Olá, minha renda mensal é de 2.50,00 reais, será que consigo financiar um veículo seminovo num valor de uns 28.00,00 reais?

    Obrigado

  • Danilson says:

    Boa tarde,

    O financiamento se dá como um empréstimo, onde o banco financia o valor do automóvel e o vendedor receberá o valor exato do carro e o resto fica entre o banco e o comprador?

    Obrigado

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde Danilson,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Pelo CDC (Crédito Direto ao Consumidor), o consumidor realiza um empréstimo em um banco para comprar o carro. O veículo fica de posse do comprador, mas não pode ser negociado (está alienado ao banco) até que sejam pagas todas as prestações.
      A pessoa pode fazer o contato diretamente com o banco, sem intermediação da loja vendedora do automóvel (concessionária).
      Dessa forma, pode negociar as taxas de juros que serão pagas. Elas são fixadas no início do contrato e não sofrem alterações durante o pagamento das prestações.
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, entre em nosso site e preencha o formulário para que um de nossos corretores entre em contato com você.

      Abraço

  • Luís says:

    Oi,

    O carro financiado pode tem recibo ou não ?

    Att

    • Sanaira Silveira says:

      Bom dia Luís,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, entre em nosso site e preencha o formulário para que um de nossos corretores entre em contato com você.

      Abraço

  • Vinicius Campones says:

    Bom dia,

    Consigo financiar um carro 2002?

    Grato

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde Vinicius,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, entre em nosso site e preencha o formulário para que um de nossos corretores entre em contato com você.

      Abraço

  • Roseli Cecatto says:

    Olá,

    Meu salário é de 2.500,00 reais, quero financiar um veículo de no máximo 15.000,00 e não tenho disponibilidade de entrada no momento, consigo esse financiamento?

    Obrigado

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde Roseli,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, entre em nosso site e preencha o formulário para que um de nossos corretores entre em contato com você.

      Abraço

  • Luan Marcos says:

    Olá,

    Eu ganho 1100.00 reais e o carro que eu quero é o valor de 20.000.00 eu consigo financiar?

    Obrigado

    • Sanaira Silveira says:

      Bom dia Luan,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, entre em nosso site e preencha o formulário para que um de nossos corretores entre em contato com você.

      Abraço

  • Pablo begnini says:

    Oi, preciso ter quantos anos pra fazer o financiamento de um veículo usado ?

    Grato

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde Pablo,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, entre em nosso site e preencha o formulário para que um de nossos corretores entre em contato com você.

      Abraço

  • Washington Luiz A S says:

    Boa noite,

    Quero realizar um financiamento, caso com o carro já em uso aconteça uma fatalidade e por falecimento meu, minha conjugue quitando o financiamento e procurando o Detran do estado, ela receberá o documento do veículo no nome dela, assim mostrando o documento de quitação da financeira, ou terá que receber o documento no meu nome? Obrigado e aguardo resposta da minha dúvida.

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde Washington,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Entre em contato com o órgão responsável para que possam te ajudar,
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, entre em nosso site e preencha o formulário para que um de nossos corretores entre em contato com você.

      Abraço

  • Ângela says:

    Olá,

    Tirou todas as minhas dúvidas, vou optar pelo financiamento.

    Obrigada!

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde Ângela,

      Obrigada por comentar no seguroauto.org,
      Caso você tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, trabalhamos com as melhores e mais confiáveis seguradoras do mercado.
      Visite a home-page do nosso site e preencha o formulário, assim, um de nossos corretores entrará em contato com você.

      Estamos à disposição,
      Abraço.

  • Aline B. Avila says:

    Bom dia, gostaria de saber se eu e meu irmão podemos comprar um carro e fazer tanto o carro como o financiamento em nome dos dois, obrigada.

  • geffeson says:

    Oi,
    Posso dizer que esse é um dos melhores posts em relação às dúvidas que estava tendo, explica muito bem sem usar palavras nem textos extensos e complicados. Parabéns.

  • Jonathan says:

    Olá,

    Gostei muito do artigo, tirei muitas dúvidas que estavam na minha cabeça, obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *