Seta Balao

COTE AQUI SEU SEGURO AUTO RAPIDINHO!

Qual é a marca do seu carro?

Buracos nas ruas e rodovias: cuidado para evitar prejuízos

Veja como evitar os buracos que acabam com seu carro. Algumas dicas podem ajudar a enfrentar este problema que é constante dos buracos nas ruas e rodovias brasileiras.

Os buracos nas vias urbanas e rodovias do país são constantes, além de representarem uma ameaça de acidentes, são os principais causadores dos danos aos veículos, principalmente quanto aos pneus, suspensão e amortecedores.

Buracos nas ruas e rodovias: cuidado para evitar prejuízos

Imagem: JCRS

Nesta estação de verão, com muitas chuvas que agravam os estragos nas ruas e estradas, os motoristas precisam ter cuidado redobrado para evitar prejuízos e garantir a sua segurança e dos demais motoristas e pedestres. É

difícil evitar os buracos, mas dirigir com cuidado e mantendo uma distância segura do veículo que vai à frente, ajuda bastante. Se estiver chovendo, o buraco pode estar disfarçado pela água e o perigo é sempre maior.

 

Buracos nas ruas e rodovias: cuidado para evitar prejuízos

Imagem: A Notícia

A suspensão danificada de um veículo exige reparos que não são baratos. Dependendo da gravidade do impacto causado pelo buraco e do modelo do carro é preciso trocar o braço da suspensão, as buchas e a bandeja ou então as molas e amortecedores.

O impacto de um buraco pode não apenas cortar ou furar um pneu, mas danificar a roda. Dependendo do veículo, se as rodas forem de ferro ou aço podem ser desamassadas e soldadas, mas as rodas de alumínio não admitem reparos, precisam ser trocadas, o que não fica barato. Quanto maior a velocidade do carro e a extensão do buraco, maior será o dano e o prejuízo.

Além disso, é preciso fazer o balanceamento e alinhamento dos pneus, que com certeza são desalinhados no impacto com o buraco. Sempre que se passar por um buraco é importante prestar atenção se ocorre qualquer alteração no comportamento do veículo. Ruídos estranhos ou trepidação são sinais de que houve dano e é preciso ouvir a opinião de um mecânico o mais rápido possível. Continuar a rodar com pneus desalinhados, em pouco tempo irá acabar com os pneus, que começam a ser desgastados de forma errada e podem mesmo estourar, provocando um acidente.

Um buraco danificou o seu carro? Saiba como reclamar

Buracos nas ruas e rodovias: cuidado para evitar prejuízos

Imagem: G1

Se você teve seu veículo danificado por um buraco, no perímetro urbano do seu município, você tem direito a exigir que a Prefeitura o indenize do prejuízo.

O ressarcimento das despesas em consequência de acidentes causados por buracos precisa ser solicitado através de um advogado, que entrará com ação indenizatória por danos materiais. Você pode recorrer a um advogado particular ou à assistência jurídica gratuita.

A primeira providência é fazer um boletim de ocorrência e em seguida juntar as provas que demonstrem que o buraco foi a causa do dano, como, por exemplo, fotos do buraco e do veículo, mostrando o dano. Se houver vítima, as fotos serão necessárias.

Além disso, são necessários três orçamentos de oficinas mecânicas, explicando qual o dano e o que precisa ser reparado, documentando que o conserto não é devido a desgaste natural, mas em consequência de choque com um buraco.

Buracos nas ruas e rodovias: cuidado para evitar prejuízos

Imagem: Circula Seguro

Os danos causados por um acidente em função de um buraco também podem ser ressarcidos pelo seguro auto. Nesse caso, o proprietário não deve iniciar o conserto antes da autorização do seguro e se for necessário, chamar o guincho disponível pela assistência da seguradora. Se o dano não for de grande monta, pode ser incluído na franquia.

Segundo a Ordem dos Advogados do Brasil, seção de Rio Preto, a vítima precisa comprovar quais foram os prejuízos em razão de buracos, que podem ser físicos ou morais. Esse direito é garantido pela Constituição Federal e no Código Civil Brasileiro, artigos 186, 402, 927 e 944, que especificam situações que dão origem a reparação de danos e a indenização que pode ser solicitada.

Dicas para minimizar os danos provocados pelos buracos

– Reduza a velocidade

Esta é a dica principal para trafegar em ruas ou estradas esburacadas. Quanto maior a velocidade, mais difícil desviar dos buracos, com o risco de perder a direção. Em ruas desconhecidas preste muita atenção. Na chuva, tente desviar das poças de água, onde podem existir buracos.

– Não freie bruscamente

Ao perceber um buraco, sem tempo para desviar, continue mantendo o volante reto e não pise no freio bruscamente. Quando as rodas travam, o impacto é ainda maior e podem ser danificados não somente os pneus, mas a suspensão e os freios.

– Use a embreagem para diminuir o impacto

Se o carro não for automático, pise na embreagem ao passar por um buraco, o que diminui o risco do câmbio ser danificado.

Buracos nas ruas e rodovias: cuidado para evitar prejuízos

Imagem: TV Jornal

– Evite as poças de água

Poças de água podem esconder crateras, evite passar por elas.

– Mantenha os pneus calibrados

Pneus vazios aumentam o risco de rasgos e furos. Faça balanceamento e alinhamento a cada 10 mil kms ou depois de algum dano nas rodas. A pressão de ar no pneu, muito baixa ou muito alta, afeta o desgaste do pneu e a sua resistência aos buracos.

– Se o prejuízo foi grande, acione o seguro

Se o carro foi danificado por um buraco, sendo provado que não houve desgaste por uso do veículo, o seguro pode ressarcir o prejuízo. Além disso, é possível pedir indenização ao Poder Público, para indenização do dano causado.

– Mantenha os amortecedores e a suspensão em ordem

Para enfrentar as ruas esburacadas é preciso manter os amortecedores e a suspensão revisados. Quanto menor a estabilidade do carro, maior pode ser o dano, principalmente se o veículo estiver desenvolvendo velocidade.

– Respeite a distância segura do veículo da frente

A proximidade do veículo da frente impede que você veja os buracos e tenha tempo de desviar deles. A melhor conduta é manter a distância, para se proteger. A distância segura pode variar, dependendo da pista e do clima.

– Cuidado para não perder a direção

Muitos motoristas, para tentar desviar de buracos, acabam capotando. Isso acontece quando estão desenvolvendo velocidade, em locais onde o asfalto já é crítico existe uma lâmina de água provocada pela chuva. Em pistas de mão dupla, o acidente pode ser grave.

– O estepe deve ser calibrado

Se o pneu estourar por causa de um buraco, vai ser necessário trocar. Por isso, mantenha o estepe em ordem e calibrado. Assim você vai continuar sua viagem, sem precisar de um guincho. Sempre que calibrar os pneus, calibre também o estepe.

– Faça as revisões necessárias

Procure fazer as revisões com seu mecânico de confiança, verificando o estado das molas, buchas, bandejas, pivôs e terminais de direção. Dessa forma, se você passar em um buraco será mais fácil manter o controle do carro e evitar um acidente maior.

– Verifique as luzes externas do seu carro

Fique atento ao estado das luzes externas como farol, luz de freio, de seta e lanterna. Existem multas e pontos na carteira por transitar com lâmpadas queimadas nos faróis, nas lanternas e na luz de placa, com até retenção do carro para regularização. Sem os faróis e lanterna aumentam as chances de você cair em um buraco.

Leia mais artigos sobre:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *